Economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1873 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Questões e Respostas

Avaliativas

1. Escassez significa o mesmo que pobreza? Justifique sua resposta.

Não. Escassez é a natureza limitada dos recursos da sociedade, é um conceito analítico abstrato, enquanto pobreza é a conseqüência da distribuição desigual, desses recursos pela falta de disponibilidade de adquiri-los é um conceito subjetivo e pratico que é classificado como falta domínimo de recurso para satisfazer as necessidades humanas, a definição do que seriam essas necessidades é puramente subjetiva.
Na verdade pobreza significa ter poucos bens. Escassez significa mais desejos do que bens para satisfazê-los, mesmo que haja muitos bens.

2. Segundo o pensamento Keynesiano, a premissa fundamental para se compreender uma economia encontrava-se na simples observaçãodos níveis de consumo e investimento do governo, das empresas e dos próprios consumidores. Partindo desse princípio, a doutrina Keynesiana aponta que, no momento em que as empresas tendem a investir menos, inicia-se todo um processo de retração econômica que abre portas para o estabelecimento de uma crise.

Com base neste texto, responda:

O que o Estado deveria fazer segundo Keynes parase evitar uma crise?

O Estado deveria intervir na economia do país com o objetivo de conduzir o pleno emprego.
O pensamento keynesiano se opunha ao Estado Mínimo (de intervenção mínima - o liberalismo econômico) e apregoava o Estado Grande (gastador), com a função de organizar a desordem econômica e amenizar as perdas por meio da elevação dos gastos públicos.
O Estado, para Keynes,deveria empenhar-se para garantir a qualidade de vida de sua população, por meio de um eficaz controle das contas internas e externas.
A preocupação maior de Keynes surgia do seu ceticismo em relação à capacidade de autorregulação do mercado, e, por isso, ele considerava que o Estado deveria assumir a maior parte da responsabilidade na organização dos investimentos, por meio de uma política deregulação que visasse minimizar sua instabilidade.
Partindo dessa premissa, Keynes considerava que o Estado deveria atuar sobre as expectativas com o objetivo principal de evitar súbitas flutuações da eficiência marginal do capital, favorecendo e estimulando os investimentos.
Enfim, em linguagem bem simples, ele defendia o 'Welfare State' (o Estado de bem-estar social) que, grosso modo, éuma espécie de Estado-providência, promotor (protetor e defensor) social e organizador da economia. Um Estado que toma para si a responsabilidade de regulamentar a vida e a saúde social de sua nação, garantindo serviços públicos e proteção à população.

3. O governo intervém na formação de preços de mercado, quando fixa impostos, dá subsídios, estabelece os critérios de reajuste do saláriomínimo, fixa preços mínimos para produtos agrícolas, decreta tabelamento ou, ainda, congela preços e salários. Como podem ser divididos os impostos? Explique-os.

O governo intervém no sistema de preços para coibir abusos por parte dos vendedores, controlarem os preços de bens de primeira necessidade ou refrear o processo inflacionário.
Aos impostos dividem se em:
Impostos indiretos:impostos incidentes sobre o consumo ou sobre as vendas; Impostos sobre Circulação de Mercadoria e Serviços (ICMS), Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI);
Impostos diretos: impostos incidentes sobre a renda e o patrimônio. Exemplos: Impostos de Renda (IR) e Imposto Predial e territorial Urbano (IPTU);
Impostos Específicos: o valor do imposto e fixo, qualquer que seja o valor da unidadevendida. Exemplo: para cada carro vendido, recolhe-se, a titulo de imposto, R$ 5000 ao governo (este valor e fixo e independe do valor do automóvel);
Imposto ad valorem: é um percentual (alíquota) aplicado sobre o valor da venda. Exemplo: supondo a alíquota do IPI sobre automóveis de 10%, se o valor do automóvel for de R$ 50000, o valor do IPI será de R$ 5000; O valor do imposto varia...
tracking img