Economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (312 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Educação – Escolas de Idiomas:
Quanto se compra e se vende?
R: O ensino de idiomas é um dos mercados mais antigos de franquias brasileiro. Com redes consolidadas operando no País hámais de 60 anos e dezenas de marcas disputando os potenciais alunos, o setor poderia estar caminhando para um cenário de desaceleração no crescimento. Mas tudo indica que na verdade asescolas de idiomas devem entrar em um novo ciclo de expansão, impulsionado pelo boom da classe C, pelo bom desempenho da economia brasileira e pelos grandes eventos esportivos que oBrasil sediará nos próximos anos.

De acordo com Bruno Caravati, vice-presidente do grupo Fisk, desde 2006 a franquia vem aumentando o faturamento entre 15% e 20% ao ano. Com relação aonúmero de unidades, houve um incremento de 50 novas escolas no mesmo período. Para 2012, está previsto um faturamento de R$ 1 bilhão - 20% a mais do que no exercício anterior.
Aproximidade dos eventos(Copa do Mundo 2014 e Olimpiadas 2016), apoiada pelo fortalecimento da economia brasileira, abriu uma grande oportunidade para as escolas de idiomas nas cidades quesediarão os jogos.
"Nunca tivemos um quadro tão favorável quanto esse: economia segura e em crescimento, aumento da participação do Brasil no cenário internacional e a Copa e os JogosOlímpicos a ser realizados aqui", destaca o presidente da rede Yázigi Internexus, Alexandre Gambirasio.
Segundo o executivo, a rede espera crescer entre 15% e 18% por ano até a Copa doMundo. Serão investidos R$ 22,5 milhões na abertura de novas escolas para atender a essa nova demanda até 2014. Em marketing, a rede deve investir R$ 30 milhões no período.
A Copa doMundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016 estão mexendo com o mercado de serviços, incluindo as redes de ensino de idiomas, que buscam conquistar o aumento da demanda de alunos.
.
tracking img