Economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3236 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
a) – Descrições dos Passos a Seguir:



Passo 1 ( Equipe) (Ler a notícia – Revista Exame)

Leia a notícia “Volume de importação atinge novo recorde” disponível no site da Revista Exame: < http://exame.abril.com.br/economia/noticias/volume-importacao-atinge-novorecorde-diz-pesquisa-573578 > Acesso em: 27 de set. 2011.




Passo 2 (Equipe) (Discutir em Grupo)

Discuta em grupo sobre areportagem.




Passo 3 (Equipe) (Exemplos de Medidas Governamentais)

A relação entre a economia e a política é evidente em muitas situações que vivemos em nosso cotidiano, pois as medidas adotadas pelo governo influenciam diretamente em nossas vidas. Dessa forma, a partir da reportagem acima, traga exemplos de medidas governamentais que influenciaram a vida econômica brasileira.Passo 4 (Equipe) (Apresentar em sala de aula)

Apresente em sala de aula as principais reflexões realizadas pelo grupo.







PASSO 3:
Exemplos de medidas governamentais que influenciaram a vida econômica brasileira – A Crise da Economia Brasileira – O Ciclo dos Planos.
Sinopse:
Neste presente trabalho de pesquisa iremos desenvolver um resumo que constitui numa tentativapara levantar o Brasil da Crise Econômica. Na importância de passar por uma revisão de conceitos e no estudo dos processos inflacionários pelos seus respectivos planos aplicados, processos em que, na maioria das vezes, relacionam mais de um tipo de inflação levando a crise inflacionária. Posteriormente, estudar-se-ão as políticas econômicas de estabilização da moeda e as possíveis causas quedeterminaram o fracasso dos Planos para fugir da Crise. Finalmente se procurará um consenso a respeito do que é a inflação, e quais são as suas respectivas causas e que definirão e que se enquadra melhor em nossa realidade até hoje.

Introdução:
As primeiras interpretações em relação às expectativas inflacionárias baseiam-se num processo de adaptação, através do qual a inflação de hoje é determinadacomo uma média ponderada de valores passados, considerado que estas Expectativas Adaptativas garantem a sustentação de um processo inflacionário porque os agentes econômicos utilizam a informação sobre os seus erros de predição no passado para revisar a expectativa do período presente. Além disso, essas concepções foram objeto de drástica revisão, pois se os agentes econômicos formam suasexpectativas de forma adaptativa, então podem ter erros sistemáticos e subestimar a taxa de inflação por vários períodos, até incorporar informações suficientes de modo a revisar a expectativa atual, levando a alta concentração dos juros e produto. Representando a relação entre excesso de demanda no mercado de trabalho, então, quanto maior a taxa contemporânea de desemprego, menor o excesso de demanda epor consequência menor a velocidade de crescimento de salários e preços, o mesmo valendo para a variação no desemprego, levando em consideração a alienação da queda e desvalorização monetária. A condição de equilíbrio de longo prazo da economia envolve a satisfação de cinco condições:

a). Produto Efetivo = Produto Potencial,

b). Demanda Agregada = Oferta Agregada,

c).Taxa de Inflação = Taxa de Expansão Monetária,

d). Taxa de Inflação = Taxa Esperada de Inflação e

e). Inercia no Desemprego = Estabilidade da Moeda.
O início e das expectativas mais esperada dos Planos, o Congelamento.
Passo 3.1 – “Planos Cruzeiro Novo, Cruzado I e II” Fevereiro 1986 - :

Governo: José Sarney -
O Primeiro Plano Nacional de Desenvolvimento (IPND), de 1971/74, prendeu-se ao trinômio formado pelas empresas privadas nacionais, pelas multinacionais e estatais. Na época do Regime Militar, início a inflação e obras grandiosas planejadas pelos militares geraram uma conta a ser paga no futuro, pois os empréstimos que as pagavam faziam crescer a dívida externa gradativamente, isto é, deixando o Brasil literalmente quebrado. Tendo em vista...
tracking img