Economia- jean baptiste say

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1393 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE NOVE DE JULHO
CURSO DE TECNOLOGIA – TPG/ TGM/ TGC
DISCIPLINA: ECONOMIA

PESQUISA
ECONOMISTA: JEAN BAPTISTA SAY

SÃO PAULO
2012

JEAN BAPTISTA SAY E SUAS CONTRIBUIÇÕES NA ECONOMIA
Maria Jaqueline Ferreira da Silva
Pedro Franco
Rayza Santana

Pesquisa apresentada à disciplina de Economia do Curso de Tecnologia- TPG, TGM e TGC – Economista Jean Baptista Say –Universidade Nove de Julho – Profª Maria Cecília

Universidade Nove de Julho
São Paulo
Setembro/2012
Sumário


INTRODUÇÃO..............................................................................................................4

1- PRINCIPAIS IDÉIAS E CONTRIBUIÇÕES 4

1.1 - VALOR DA UTILIDADE 4

1.2 - LEIS DO MERCADO (OU LEI DESAY)..................................................................... 5

1.3 - ENFASE NO PAEL DO EMPEENDEDOR................................................................ 5

2- O MONOPÓLIO E A CRÍTICA DE JEAN BAPTISTE SAY................................... 5
2.1- O QUEMONOPÓLIO........................................................................................ 5
2.2 -OBJETIVO E RESTRIÇÕES DO MONOPÓLIO................................................... 6
2.3 - EQUILIBRIO DOS MERCADOS DO MONOPÓLIO............................................. 6
2.4- A CRITICA DE J.B. SAY COM RELAÇÃO AO MONOPÓLIO................................. 6CONCLUSÃO............................................................................................................. 6

REFERÊNCIA BIBIOGRÁFICAS................................................................. . 7

INTRODUÇÃO

 
Economista clássico francês nascido em Lyon, que formulou uma lei econômica, a lei de Say, que se manteve como princípio fundamental da economia ortodoxa até a grandedepressão (1930). Filho de um comerciante, trabalhou na firma de um amigo do pai na Inglaterra, onde estudou a obra do fundador da escola clássica. Fortemente influenciado pelas ideias iluministas, cujas ideias fundamentais eram o liberalismo, o individualismo e o racionalismo, época no qual as mudanças de valores, os avanços tecnológicos e melhores condições de vidas levaram ao surto de ideias.Após a Revolução Francesa chegou a exercer a ocupação de jornalista em periódicos liberais franceses, onde aproximou-se das ideias de Adam Smith e do estudo da ciência econômica, a qual passou a se dedicar ao mesmo tempo em que administrava uma indústria têxtil. Foi também escritor e quando o governo consular foi estabelecido em 1799, ele foi selecionado como um dos membros do tribunate, e resignouda direção do 'Decade'. Sensibilizado com a Economia Política a partir da leitura da A Riqueza da Nações de Adam Smitch. Em 1803 publicou o seu Traité d’ Economie Politique (Tratado da Economia Política), que considerava ter popularizado Adam Smitch, clarificando, precisando e corrigindo as suas teorias.

1 PRINCIPAIS IDÉIAS E CONTRIBUIÇÕES
Nesta pesquisa iremos apresentar as principaisideias e contribuições de J.B. Say à teoria da Economia. Embora ele tenha contribuído em vários aspectos, os mais importantes foram: Valor utilidade, As leis do Mercado (Lei de Say) e ênfase no papel do empreendedor.

1.1 VALOR DA UTILIDADE
O economista Jean Baptista Say acreditava que a utilidade de cada produto era o que determinava o valor.
O valor que os homens atribuem às coisas tem seuprimeiro fundamento no uso que
delas podem fazer. Umas servem como alimento, outras como vestuário; algumas
nos defendem dos rigores do clima, como as casas; outras, como os ornamentos, os
produtos de beleza, satisfazem gostos que são uma espécie de necessidade. Seja
como for, permanece sempre verdadeiro que os homens atribuem valores às coisas
em virtude de seu uso: o que não serve para nada...
tracking img