Economia industrial

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1078 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A. Introdução
1. Objecto de estudo: empresas, mercados e sistemas;
estruturas e comportamentos
1.1. Objecto da Economia Industrial
1.2. Enfoque específico da disciplina
1.3. Conceitos básicos da disciplina
2. Antecedentes e actualidade da disciplina: do
paradigma tricotómico aos desenvolvimentos recentes da
Economia Industrial
2.1. A metodologia da Economia Industrial
2.2. A relaçãoestrutura, comportamentos e desempenhos
2.3. Desenvolvimento e tendências recentes da disciplina
2.4. A dimensão normativa
1

A. Introdução
1. Objecto de estudo: empresas, mercados e sistemas;
estruturas e comportamentos
1.1. Objecto da Economia Industrial
A disciplina de “Economia Industrial” tem um designação que
resulta de uma tradução demasiadamente literal do inglês:
- IndustrialEconomics
- Industrial Organization
Significado de “Industry”: Conjunto de agentes produzindo
um bem ou serviço transaccionado num determinado mercado.

2

Não estivesse a designação Economia Industrial tão consagrada, e
uma designação mais adequada seria “Economia dos Mercados”
ou, atendendo à abordagem específica da disciplina, “Economia
dos Mercados Imperfeitos”.

Objecto
Análise dofuncionamento do sistema industrial.
“Funcionamento”:
- comportamentos
- interacções
- desempenhos

“Sistema industrial”:
- Conjunto de agentes e regras de
funcionamento;
- Estruturas: modos de organização,
Sectores / mercados, fileiras, clusters, ...
3

1.2. Enfoque específico da disciplina
Economia Industrial : microeconomia aplicada à análise de funcionamento
dos sistemasindustriais.
Microeconomia: enfoque teórico, abstracto e sem um âmbito de aplicação
específico.
Economia Industrial :
•Tradicionalmente: menor nível de abstracção
•Actualmente: enfoque simultaneamente teórico e empírico
•Consideração da diversidade de estratégias dos actores
•Estudo de situações / mercados reais
•Ênfase normativa: fundamentação das políticas públicas no âmbito do
objectoespecífico da disciplina
4

1.3. Conceitos básicos da disciplina
i) Estruturas
ii) Comportamentos
iii) Desempenhos

i) Estruturas
•Indústria
•Sector
•Mercado (concorrência perfeita, monopólio, oligopólio,

•Organização sectorial e relações interindustriais
•Empresa

concorrência monopolística)

•Cluster, distrito industrial, fileira

•Estrutura produtiva

•Sistema

•Composiçãosectorial, padrão de
especialização.

•Tecnologia, estrutura de custos
5

Indústria / Sector: conjunto de agentes (produtores / vendedores)
que produzem / oferecem um produto (bem / serviço) com um
determinado grau de homogeneidade.
Nota: Ênfase posta na oferta.

Problemas na delimitação do conceito de Indústria / Mercado
•Extensão geográfica (regional, nacional, global ?)
•Delimitaçãotemporal: análise estática versus análise dinâmica;
processos de mudança (produtos, tecnologias, indústrias)
•Diferenciação / heterogeneidade dos produtos (dificuldades em
determinar fronteiras, insuficiência das elasticidades cruzadas)
6

Problemas na delimitação do conceito de Indústria / Mercado (cont.)
•Diversificação das indústrias (qual a indústria / sector de base ?)
•Dificuldadesde classificação estatística (estatísticas industriais baseadas na
actividade principal; estatística do comércio externo baseadas no produto)
•Relacionamentos verticais e horizontais (esbatimento das fronteiras da empresa)

Mercado
Conjunto de vendedores / compradores que organizam transacções de um dado
bem / serviço.
Consideração da procura e da oferta.
Dificuldades de delimitaçãosemelhantes aos conceitos de indústria/sector
7

ii) “Comportamentos”

•Decisão
•Estratégias
•Inovação (tecnológica, organizacional ... )
•Poder de mercado

8

iii) “Desempenhos”
•Rendibilidade
•Eficiência na produção e na afectação
•Competitividade
•Qualidade do produto, lucros

Alguns exemplos de temas abordados:
•Determinantes do desempenho
•Problemas na definição das...
tracking img