Economia da china

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3374 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ANHANGUERA UNIDERP CAMPUS II


2º SEMESTRE DE ADMINISTRAÇÃO

ACADEMICA: MICHELLE CRISTINA DA SILVA CRISTALDO
RA 3934835102

PROFESSORA: SARA MEDINA




SISTEMA ECONOMICO
CHINA
CUBA






RIO VERDE DE MT - MS
2012

CHINA: UMA ECONOMIA SOCIALISTA DE MERCADO
 
Um país queantes era invadido por várias potências conseguiu se sobressair e hoje é uma potência econômica. Mas, apesar desse crescimento é país com muita desigualdade social, e poucas cidades se desenvolvem realmente.
 
A China possui dois sistemas econômicos controlados por um único sistema político. Esse sistema é definido como economia “socialista de mercado”. A economia que mais cresceu no mundo, e osseus produtos estão em todos os mercados. Para entendermos melhor vamos fazer uma rápida retrospectiva na historia.
 
HISTÓRICO
 
A China é um país milenar, que foi governado por varias dinastias. No inicio do século XX, governado pela dinastia, o país decrescia. O país estava partilhado por várias potencias estrangeira.
 
No começo do século XX, surgiu um movimento nacionalista, não afavor da dinastia Manchu é a dominação estrangeira. Sob a liderança de Sun Yat essa revolução atingiu várias cidades do país, e pôs fim ao império e instaurou a republica, em 1912. Foi organizado o partido nacional chinês, sob a liderança de Sun Yat-sem.
 
Apesar da proclamação da republica, o poder permaneceu fragmentado, e o país continuou sofrendo com o caos político, econômico e social. Pequimcontrolava apenas uma parte do país e mantinha laços com as potencias estrangeiras, nessa época começa a industrialização, que com a invasão do Japão e a guerra civil acaba interrompido.
 
 
Em 1925, Sun Yat-sem morreu e o partido nacional chinês passou a ser controlado por Chiang Kai-schek. Depois de uma breve convivência pacifica, em 1927 iniciou uma guerra civil entre comunista enacionalista. Depois de ocorrer à unificação do país em 1928, Chiang Kai-shet passou a liderar o governo nacional da china com mão de ferro. Em 1934, os japoneses depois da invasão na Manchúria, implantaram Manchwero, um país formalmente independente. Pu Yi era imperador desse reino Manchu. Na verdade ele era apenas um imperador fantoche, quem mandava de fato em Manchukuo  eram os japoneses, que sebeneficiavam de uma das regiões mais ricas em minérios e combustíveis fosseis de toda a china.
 
Em 1937, os japoneses declararam guerra total contra a china. As cidades mais importantes estavam sob o controle do Japão. Em outubro de 1949, depois de 22 anos de guerra, os comunistas do Espírito de Libertação Popular saíram vitoriosos, liberados por Mao Ise-tung, foi proclamado a Republica Popular daChina. Surgiu então a China Comunista. Os nacionalistas se refugiaram na ilha de Formosa, e fundaram a República da China Nacionalista, também conhecida como Taiwan.
 
A china passou a seguir o modelo político-econômico da ex-União Soviética, implantou um regime político centralizado sob o controle do Partido Comunista Chinês, cujo líder Maximo era o secretário-geral Mao Tse-tung. O estado passou acontrolar as fabricas e recursos naturais. No entanto, é bom lembrar que a revolução chinesa foi essencialmente camponesa, já que na época os operários equivaliam a apenas 0,6% da população, ou seja, após a revolução a china começou seu verdadeiro processo de industrialização.
 
PROCESSO DE INDUSTRIALIZAÇÃO
 
Inicialmente a china seguiu o modelo soviético, e passou a planejar a economia. Em1957, Mao lançou um plano conhecido como o “Grande Salto à Frente”, que se estendeu até 1961. Em plano visava implantar um parque industrial diversificado e amplo, priorizando investimento na indústria de base na bélica e em outras de infra-estrutura que ajudasse a sustentar o processo de industrialização. Mas, o grande “Grande Salto à Frente” mostrou ser um fracasso.
 
Ao tentar seguir o modelo...
tracking img