Drogas e suas alterações sociais

Páginas: 8 (1958 palavras) Publicado: 9 de novembro de 2011
07/11/2011

INTRODUÇÃO SÍNDROMES HIPERTENSIVAS DA GRAVIDEZ
Em

relação a morbi-mortalidade é uma das primeiras causas no mundo.
Morte

prevenível, pois com atenção de qualidade e captação precoce nos serviços de pré-natal é possível realizar uma intervenção mais resolutiva.
Os

objetivos da proposta de prevenção através do pré-natal: proteger a mãe de hemorragia cerebral e dosefeitos danosos da hipertensão; minimizar a prematuridade; manter a perfusão útero-placentária para evitar hipoxia; crescimento intra-uterino restrito e óbito perinatal e materno.

Etiologia Fatores

desconhecida

Hipertensão Gestacional
A expressão refere-se ao aparecimento da hipertensão em conseqüência da gravidez, e que acontece após 20 semanas de gestação.  ausência de proteinúria. presença de pressão arterial diastólica > 90 mmHg  aumento da pressão diastólica acima de 15 mmHg do valor conhecido previamente  mulheres previamente normotensas e sem proteinúria  normalização no puerpério remoto após seis semanas Possibilidade de evolução clínica: 1. Pré-eclâmpsia quando a hipertensão associa-se à proteinúria 2. Hipertensão arterial latente ou transitória (principalmente emmultíparas)

etiológicos: primigestas; antecedentes familiares de pré-eclâmpsia/eclâmpsia; antecedente pessoal de préeclâmpsia/eclâmpsia; gestação gemelar; hipertensão arterial crônica, nefropatia, lupus, diabetes.

HA na gravidez 140x90mmHg Se TA conhecida anteriormente >=30mmHg sistólica >=15mmHg diatólica Quando específica da gravidez aparece a partir de 20 semanas e pode perdurar até 6semanas de pós-parto.

Proteinúria Gestacional
-proteinúria sem hipertensão -mulheres previamente normotensas e sem proteinúria, com diagnóstico após a 20ª semana de gestação -normalização no puerpério remoto Possibilidades de evolução clínica: 1. proteinúria postural (ortostática) 2. infecção urinária 3. pré-eclâmpsia (proteinúria que precede a hipertensão) 4. doença renal crônica não diagnosticadapreviamente 5. doença renal aguda

Hipertensão Arterial Crônica
 Hipertensão anterior à 20ª semana ou à gravidez;  Hipertensão que se mantém após 6 semanas de puerpério.

1

07/11/2011

CAUSAS
    

Pré-eclâmpsia
(hipertensão e proteinúria), nas formas leve ou grave:
após a 20ª semana de gestação em mulheres previamente normotensas e sem proteinúria normalização nopuerpério remoto aumento da pressão arterial diastólica a 90 mmHg ou mais aumento da pressão diastólica acima de 15 mmHg do valor conhecido previamente presença de 300 mg ou mais de proteínas em urina de 24 horas ou labistix- proteinuria em fita (1+) ou mais

Essencial (primária); Vascular (vasculite, coartação de aorta); Endócrina (supra-renal); Induzida por droga; De origem renal.

Diagnósticoclínico
  

1. hipertensão antes de 20 semanas de gravidez 2. hipertensão crônica comprovada em qualquer idade gestacional 3. hipertensão que persiste após seis semanas de puerpério

Pré-eclâmpsia
-Conceitua-se como pré-eclâmpsia (PE) o aparecimento de hipertensão arterial acompanhada de proteinúria em gestação acima de 20 semanas, podendo haver ou não edema. Anteriormente a este período,pode surgir acompanhando doença trofoblástica gestacional (mola hidatiforme). -Como proteinúria significativa, consideram-se os valores maiores ou iguais a 300 mg em 24 horas ou Labstix de (+) ou mais em amostra casual. -Edema quando existente deve-se ater-se para o “edema oculto”, no qual o ganho de peso de 2275g em um mês ou 500g por semana. Atenção para fato deste edema não desaparecer com repouso(+ até ++++)

Fatores Predisponentes
Primigestas;  Gestação gemelar;  História familiar de pré-eclâmpsia;  História de pré-eclâmpsia prévia;  Gestação com aumento de massa trofoblástica; Hipertensão crônica;  Diabetes;  Nefropatia;  Lupus;  Extremos de idade.

A pré-eclampsia é classificada em leve ou grave, de acordo com o grau de comprometimento. Considera-se grave quando...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Modelo de contrato social e alteraçoes
  • As alterações sociais, a estrutura social e os grupos sociais
  • Drogas
  • Drogas
  • Drogas quanto à ação social
  • Projeto Social Futebol Sem Drogas
  • Projeto de intervenção social
  • Drogas e direito penal como controle social

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!