Dre-contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1540 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade do Estado de Minas Gerais
UEMG
.






Frutal

2012

INTEGRAÇÃO

Pudemos constatar que o Balanço Patrimonial é uma demonstração estática do Ativo, do Passivo e do Patrimônio Liquido em determinada data. É como se tirássemos uma fotografia da situação patrimonial da empresa numa data fixa, onde se tirássemos o saldo do caixa, das duplicatas a receber, das ações,das maquinas, de contas a pagar, do capital etc., em determinado ponto do ano. Isto é, não acompanhamos, por meio do balanço, a evolução dessas contas pari-passu, mas observamos, por meio dele, o saldo no inicio do período e o saldo no final do período. É focalizado determinado ponto no tempo.

Em nosso exemplo, a seguir constatamos que a empresa tinha, no inicio do período, $ 200 mil decaixa e, no final, $ 300 mil. Portanto, não sabemos as razões da variação de $ 100 mil, pois o Balanço indica, simplesmente, o saldo em duas determinadas datas. Essa variação é explicada pela Demonstração dos Fluxos de Caixa.

A demonstração do Resultado do Exercício é uma demonstração dinâmica que informa os resultados das operações ocorridas ao longo de determinado período.Podemos observar o total de vendas ocorrido ao longo de um período, bem como o total de despesas. Não é a situação estática de um momento , mas a somatória de todas as operações (receita e despesas) no período em analise. Mostra ação em determinado período de tempo.

A verdade é que são demonstrações afins e que a Demonstração do Resultado do Exercício está contida no Balanço Patrimonial, umavez que este informa os saldos inicial e final (situação estática em duas datas) e aquela (Demonstração do Resultado do Exercício), em conjunto com outras Demonstrações, explica as razões da variação do Patrimônio Liquido, como também as variações de outros itens do Balanço Patrimonial: Caixa, Duplicatas a Receber, Fornecedores etc.

Demonstração dos fluxos de caixa (DFC)

*Modelo Direto:A Demonstração do fluxo de caixa, modelo direto, explicita exatamente quanto entrou de dinheiro e quanto saiu de dinheiro, reduzindo o caixa.

*Modelo Indireto: A Demonstração do fluxo de caixa, modelo indireto, mostra quais foram as alterações no giro (Ativo Circulante e Passivo Circulante) que provocaram aumento ou diminuição no caixa, sem explicitar diretamente as entradas e saídas dedinheiro. O modelo indireto responde objetivamente a uma pergunta que todo empresário faria nesse caso: “por que o lucro da empresa foi de $ 2.250 e o caixa aumentou apenas $ 1.000? Ou por que o resultado econômico foi de $ 2.250 e o resultado financeiro de $ 1.000?”




DEMONSTRAÇÃO DE LUCROS E PREJUÍZOS ACUMULADOS

Parte do lucro líquido é distribuída para os proprietários da empresaem forma de dividendo. E a maior parte, é retida na empresa ou reinvestida no negócio.
E encerra a demonstração do Resultado do Exercício com apuração do Lucro Líquido. Em seguida, transportamos este Lucro líquido para a Demonstração dos Lucros ou Prejuízos Acumulados, para fazer sua distribuição.
Logo, após a destinação do lucro líquido o que fica retido é transportado para o BalançoPatrimonial no grupo Patrimônio Líquido, havendo assim mais uma origem de recursos para a empresa, que é aplicada no Ativo.
O lucro retido na empresa pode ser utilizado para:
- Aumentar o Capital da empresa;
- Reserva Legal ( uma parte do lucro líquido para manter a integridade do capital);
- Reserva para Expansão da empresa e
- Reserva Estatutária ( para renovação de equipamentos, parapesquisa de novos produtos), sendo prevista pelo estatuto da empresa.
E a outra parte do lucro não distribuída aos proprietários e não utilizada para aumento de Capital, Reservas e entre outros será acumulada em outra conta denominada Lucros Acumulados. Esta atitude não é recomendável para as S.A. e Ltda. de grande porte.
Se a empresa, em vez de lucro, estiver apresentando prejuízos, tais...
tracking img