Dpp 1

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1037 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA
FACULDADE DE ENGENHARIA CAMPUS DE GUARATINGUETÁ

DESENHO TÉCNICO:
Fundamentos Teóricos e Introdução ao CAD

Prof. VÍCTOR O. GAMARRA ROSADO

Março de 2005

Víctor OG Rosado

10

7. SÓLIDOS GEOMÉTRICOS
As principais características do sólido geométrico são as três dimensões: Comprimento, Largura e Altura. Existem vários tipos de sólido geométrico, eentre os mais importantes temse: O Prisma, o Cubo, a Pirâmide, o Cilindro, o Cone, e a Esfera. Veja a figura 11. O PRISMA é formado pelos seguintes elementos: base inferior, base superior, faces, arestas e vértices. Entre os diferentes tipos de prisma tem-se o Cubo. Veja a figura 11. A PIRÂMIDE é outro tipo de sólido geométrico e tem como elementos: a base, arestas, vértices e faces. Veja a figura11. Existem diferentes tipos de pirâmides e cada tipo recebe o nome da figura plana que lhe deu origem.

Altura Largura Comprimento

Figura 11. Representações de sólidos geométricos O CILINDRO é o sólido de revolução cuja figura geradora é o retângulo. O CONE é o sólido de revolução cuja figura geradora é o triângulo. E a ESFERA é o sólido de revolução cuja figura geradora é o circulo. Veja afigura a seguir.
Desenho Técnico

Víctor OG Rosado

11

Cilindro

Cone

Esfera

8. PROJEÇÕES ORTOGONAIS
Em desenho técnico, projeção é a representação gráfica do modelo feito em um plano. Existem varias formas de projeção, entretanto a ABNT adota a PROJEÇÃO ORTOGONAL, por ser a representação mais fiel à forma do modelo.

Figura 12. Projeções ortogonais no primeiro diedro

DesenhoTécnico

Víctor OG Rosado

12

Para entender, como é feita a projeção, é necessário conhecer os seguintes elementos: O OBSERVADOR (ou Centro de Projeção), o MODELO (ou Objeto), e o PLANO DE PROJEÇÃO. A projeção pode ser: • Cônica (ou Central) quando o centro de projeção esta a uma distancia finita da superfície; • Cilíndrica (ou Paralela) quando o centro de observação está a uma distanciainfinita. Ainda, em relação à superfície plana de projeção, é ORTOGONAL quando as projetantes são perpendiculares; e Obliqua, quando inclinadas. Na ilustração da figura 12, o Modelo (ou Objeto) é representado por um Dado. Observe, que a Linha projetante é perpendicular ao Plano de Projeção. Unindo perpendicularmente os três planos junto com o modelo, tem-se a projeção em três planos. Estasprojeções são chamadas VISTAS, conforme a seguir:

REBATIMENTO dos três planos de projeção: Quando se tem a projeção ortogonal do modelo, o modelo não é mais necessário e assim é possível rebater os planos de projeção.

Com o rebatimento, os planos de projeção, que estavam unidos perpendicularmente entre si, aparecem em um único plano de projeção. Pode-se ver o rebatimento dos planos de projeção,imaginando-se os planos de projeção ligados por dobradiças. Conforme a seguir:

Desenho Técnico

Víctor OG Rosado

13

Agora imagine, que o plano da Vista Frontal fica fixo e que os outros dois planos de projeção giram um para baixo e outro para a direita, conforme as seqüências a seguir:

Na pratica, as vistas do modelo aparecem sem os planos de projeção. As linhas projetantes auxiliaresindicam a relação entre as vistas do desenho técnico. Observação: As linhas projetantes auxiliares não aparecem no desenho técnico do modelo. São linhas imaginarias que auxiliam no estudo da teoria da projeção ortogonal.

Figura 13. Obtenção das vistas e o rebatimento

Desenho Técnico

Víctor OG Rosado

14

Neste outro exemplo a seguir (Figura 14), dispondo as vistas alinhadas entre si,tem-se as projeções da peca formadas pela VISTA FRONTAL, VISTA LATERAL ESQUERDA e VISTA SUPERIOR.

Figura 14. Seqüências da obtenção das vistas Observação: Normalmente a vista frontal é a vista principal da peca. As distancias entre as vistas devem ser iguais e proporcionais ao tamanho do desenho.

Desenho Técnico

Víctor OG Rosado

15

8.1 TERCEIRA VISTA
Duas vistas podem não ser...
tracking img