Doutor

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1230 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ISLAM
EDITORIAL


















positivamente afectado pelas bondades da abstinência de comida e bebida não deve fa-lar de forma inapropriada, não deve ter com-portamentos arrogantes, altivos, que o afas-tam do seu elevado estado de consciência espiritual. Se a pessoa é agredida verbalmen-te deve responder duas vezes «Estou a jeju-ar». «Ó meu Deus, certamente me encontro ajejuar», «encontro-me num nível elevado, su-perior de obediência para com o meu Se-nhor», «encontro-me sob o programa anual de treinamento da minha consciência espi-ritual e não me vou rebaixar a ter um compor-tamento reaccionário, próprio do ignorante».
Uma indicação clara de um “comportamen-to ignorante” é responder de forma despro-porcionada quando uma pessoa se sente ameaçada ou insultada.Este comportamento reaccionário é contrário ao afecto positivo que produz o jejum na pessoa, o qual a ajuda a canalizar de forma apropriada as acções, a protege como uma pessoa que tem controlo de si mesma, livre da escravidão das paixões inferiores, que aprendeu a dominar o seu ego. Pelo contrário, as pessoas dominadas pelas suas reacções são pessoas com comporta-mentos pré-programados que asasseme-lham a um animal.
O estado elevado de consciência espiritual, “Taqwa” - produto da aplicação do Programa de Restauração Espiritual com o jejum -, ajuda a pessoa a encaminhar as suas acções de forma apropriada, assim como também a ajuda a redescobrir as suas próprias potenci-alidades, ter consciência dos dons divinos que Deus lhe proporcionou e sair vitoriosa perante as inclinações inferiores -próprias do ser humano - como o rancor, a inveja, o ódio, a arrogância, a vaidade, a apropriação ilícita de bens, etc.
O estado elevado de consciência espiritual, “Taqwa”, ajuda a estruturar a vida das pes-soas, tornando-as fortes perante as tentações, com capacidade para responder eticamente perante as diferentes acções do quotidiano. Além disso, o jejum ajuda as pessoas a cata-logaremimediatamente as acções ou reac-ções: Halal, Haram ou Mubah, ou seja, permitidas, proibidas ou permissíveis.
Mais importante ainda, o estado elevado de consciência espiritual, “Taqwa”, deve prepa-rar as pessoas para um encontro digno com o Ser Supremo. Um dos objectivos do envio de mensageiros e profetas admoestadores é, sem dúvida, pesar as boas acções para ter algo que apresentar no Dia daContabilização. Portanto, o crente consciente desta realidade, alerta, sagaz, não esperará até ao último suspiro da sua vida para tentar alterar e cor-rigir, atempadamente, o que está errado na sua forma de agir. Se se trata de mudar por completo o rumo da sua vida a tempo, nem que isso implique uma viragem de 180 graus, deve fazê-lo apesar do que a sociedade ou os seus familiares possam argumentar. Só veioao mundo e só enfrentará o Juízo Divino.
Uma vida cheia de rituais acabará por afligir as pessoas; mas uma vida ordenada, no se-guimento de um Programa de Restauração Espiritual, preveni-las-á de más surpresas no final do caminho.
A esperança de uma vida digna perante a realidade não se obtém com fórmulas mági-cas nem dogmas, mas sim através da obser-vação das prescrições milenares reveladaspor mensageiros e profetas, tais como Abra-ão, Moisés, Jesus e Muhammad (que a Paz esteja com eles), que praticaram o mesmo programa de Restauração Espiritual com o jejum que praticam os muçulmanos, hoje em dia.
Que as energias acumuladas, por nós, du-rante este Ramadão que findou, possam che-gar até ao próximo Ramadão, in-cha-Allah!■-----------------------
Restauração espiritual com o
Jejum do Mês de Ramadão


Prezados Irmãos, Assalamu Alaikum:


Um dos principais propósitos do jejum do Ramadão é restaurar no indivíduo a Taqwa (Elevada Consciência na Omnipresença de Deus).
Convém precisar que o jejum — como prática para elevar a cons-ciência espiritual — foi igualmente prescrita por Deus para os povos do Livro (judeus e cristãos)....
tracking img