Dosagem do cloro ativo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1640 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1. INTRODUÇÃO
A técnica da volumetria de oxi-redução consiste na oxidação e redução dos compostos envolvidos na reação química. Aquele composto que possui capacidade de receber elétrons é o que se chama de oxidante e aquele que é capaz de doar elétrons é chamado de redutor. Estes oxidantes e redutores podem ser fortes ou fracos, e isto é definido de acordo com sua atividade química, ou seja, seupotencial de oxi-redução. A iodometria,como o próprio nome sugere, utiliza iodo na reação química. Este método deve ser realizado a frio e em meio ácido, pois o iodo possui alta volatilidade e reage com bases, e isso pode dificultar a identificação do ponto de equivalência.
O iodo é um oxidante fraco, ou seja, retira elétrons da outra espécie com quem reage, e o iodeto é um redutor forte, doaelétrons da outra espécie. Como pode ser observado através da equação química de número 01.

I2 + 2e- 2I- eq. 01

Embora o iodo seja um oxidante fraco, como o iodeto é um redutor forte, espécies que possuem potencial menor que o do iodo são oxidados por ele, e espécies que possuem potencial maior que o iodo podem ser reduzidos pelo iodeto.

2. OBJETIVO
Realizar adosagem de cloro ativo em uma amostra de hipoclorito de sódio através do método da Iodometria indireta.

3. RECURSOS NECESSÁRIOS
4.1 REAGENTES
* Solução de Na2S2O3.5H2O 0,1eqg/L (MM = 248,182 g/mol) – Marca: CEFET MG
* Solução de KIO3 0,1 eqg/L (padrão primário; Fc = 09995) – Marca: CEFET MG
* Solução de KI 4% m/v – Marca: CEFET MG
* Solução de ácido acético 25% m/v –Marca: CEFET MG
* Goma de amido 0,5% – Marca: CEFET MG
* Solução de ácido sulfúrico (H2SO4) 1eqg/L – Marca: CEFET MG
* Água destilada

4.2 MATERIAIS
* Béquer de 250,00 mL
* Proveta 50,00 mL
* Balão volumétrico de 1000,00 mL
* Pipeta volumétrica de 25,00 mL e 100,00 mL
* Bureta de 50,00 mL
* Erlenmeyer de 250,00 mL
* Pipeta Pasteur
* Suporteuniversal
* Garra para suporte universal
* Garrafa lavadeira com água destilada
* Pipetador

4.3 EQUIPAMENTOS
* Capela de exaustão – Marca: GP Científica;
* Balança analítica – Marca: Ohaus
4. PREPARAÇÃO DA ATIVIDADE PRÁTICA PRINCIPAL

5.4 FICHA INFORMATIVA DE REAGENTES
Anexo 01.
5.5 PREPARO DE SOLUÇÕES
5.6.1 1000,00 mL de solução deNa2S2O3. 5H2O 0,1eqg/L
Massa molar Na2S2O3. 5H2O = 248,182g/mol

1eq ---- 248,182g
0,1eq ---- x x = 24,8182g
24,8182g Na2S2O3. 5H2O ---1000,00 mL

Pesou-se 24,8182g de Na2S2O3. 5H2O e diluiu para balão volumétrico de 1000,00 mL
5.6.2 250,00 mL de solução de KIO3 0,1eqg/L
Massa molar KIO3 = 214,00097g/mol

1 eqg KIO3 = 214,00097 g = 35,6668 g
6 mols e-

1eq KIO3 ---- 35,6668g0,1eq KIO3 ---- x x = 3,56668g
3,56668g ---- 1000,00 mL
y --- 250,00 mL y = 0,89167g

Pesou-se 0,89167g de KIO3 e diluiu para balão volumétrico de 250,00 mL.
4.2.3 1000,00 mL de solução de KI 4%m/v
4g de KI ---- 100,00 mL
x ----- 1000,00 mL x = 40g de KI
Pesou-se 40g de KI e diluiu para balão volumétrico de 1000,00 mL.
4.2.4 250,00 mL de solução de ácido acético25%m/v
Densidade do ácido acético = 1,05g/mL

25g de ácido acético ---- 100,00 mL
x ----- 250,00 mL x=62,5g
d = m/v 1,05 = 62,5/v
v = 59,52 mL

Mediu-se 59,52 mL de ácido acético e diluiu para balão volumétrico de 250,00 mL
4.2.5 100,00 mL de goma de amido 0,5%m/v
Pesou-se 0,5g de amido e diluiu para balão volumétrico de 100,00 mL
4.2.6 1000,00 mL de solução de H2SO4 1eqg/LSolução inicial 98% m/m, densidade de 1,84 g/mL
Massa molar de H2SO4 = 98,0185 g/mol
1eqg H2SO4 = MM/2 = 98,0185 g/2 mols e- = 49,0092 g

49,0092 g H2SO4 → 98%
x ← 100%
x = 50,0094 g de solução

1,84 g de solução → 1 mL
50,0094 → y
x = 27,18 mL de solução

5.6 PROPOSTA PARA TRATAMENTO DOS RESÍDUOS GERADOS NA ATIVIDADE
Anexo 3.
5. EXECUÇÃO DA ATIVIDADE PRINCIPAL...
tracking img