Doping

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2788 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
RESUMO
O doping trata-se de um dos problemas mais graves e atuais do esporte, e também um dos mais preocupantes, não só pelo fato de driblar a verdade desportiva, mas também porque esta prática é quase sempre muito perigosa para os próprios atletas. Este trabalho explica em que consiste a prática do doping, as técnicas e drogas usadas, mostrando os efeitos físicos e os problemas que causampara a saúde dos atletas. Pretende-se também falar sobre certos casos famosos de doping, e pensar um pouco sobre o que leva aos atletas a praticar o doping.
Palavras chave: doping
INTRODUÇÃO
O AMA estabelece que doping é a utilização de substâncias ou métodos capazes de aumentar artificialmente o desempenho esportivo, sejam eles potencialmente prejudiciais à saúde do atleta ou a de seusadversários ou contra o espírito do jogo. Quando duas dessas três condições se fazem presentes, caracteriza-se o doping (Dreyer, Prendin).
Algumas substâncias são controladas nos exames antidoping, entretanto cada vez mais surgem estudos que desenvolvem mecanismos para mascarar e dificultar a possibilidade de identificar o uso de substâncias proibidas, que favoreçam durante a competição eque posteriormente pode produzir tremendos prejuízos a saúde dos atletas.
Substancias toxicas como a (eritropoietina) produz crescimento dos órgãos internos, sendo que nas mulheres produz aumento dos pêlos da face e com uso contínuo pode levar a pressão alta; Betabloqueadores (Acebutolol, Alprenolol, nadolol, oxprenolol, propanolol e sotalol) dificuldade de respiração; Esteróides Corticóides (dexametasona ehidrocortisona) produzem diabetes, glaucoma e problemas musculares;  Analgésicos (buprenorfina, heroína, dextromoramida, metadona, morfina, pentazocina e petidina) causam problemas respiratórios, náusea e dependência; Diuréticos (acetazolamida, bumetanida e clortalidona) como riscos a saúde, causam desidratação, falência do  fígado e cãibras; Estimulantes (anfetamina, cafeína, cocaína, efedrina esalbutamol) podem causar queda da pressão, batimento cardíaco irregular e dependência e os Esteróides Anabólicos (nandrolona, testosterona, estanozolol e mesterolona) o seu uso vem  se tornando cada vez mais freqüente pelos jovens em academias de musculação e por atletas em todo o mundo, apesar de todas as recomendações médicas em contrário e do rigor das leis de controle de dopagem.

Essassubstâncias são derivadas da testosterona, um hormônio sexual  masculino que é fabricado pelos testículos. No homem, é produzido durante a vida inteira, mas principalmente por volta dos 11 a 13 anos, tendo como funções principais: a descida dos testículos para dentro dos escrotos, o crescimento dos testículos e do pênis, a distribuição dos pêlos, participação no crescimento ósseo, desenvolvimento damusculatura após a puberdade. Daí a definição de esteróides anabólicos (crescimento e desenvolvimento) e androgênicos (caracteres sexuais masculinos). Os medicamentos sintéticos à base de testosterona aumentam as propriedades anabólicas e reduzem as propriedades androgênicas. Por causa desse efeito anabólico os atletas passaram a usá-lo para aumentar a massa muscular, o que leva a um aumento daforça.
Os atletas interessados nesse ganho rápido de força muscular aumentam a quantidade de proteínas na alimentação e realizam um super treinamento. Assim, os músculos retêm uma quantidade maior de proteína, hipertrofiam e, portanto, ficam mais fortes. Esse aumento da massa muscular diminui a massa de gordura e o peso do indivíduo aumenta, porque o músculo pesa mais que a gordura. Entretanto, osatletas no desespero de melhora rápida da massa e da força, e na incessante luta por melhorar seus recordes, acabam por usar doses elevadas, algumas vezes com exagero e sem sentido. Em certos casos, as doses são tão altas que os músculos acabam ficando refratários a qualquer hipertrofia. Os riscos ocasionados são a impotência, problemas no fígado, descontrole hormonal masculino, e na mulher...
tracking img