Doenca periodontal relacionada com obsidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1340 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Doenca periodontal relacionada com obsidade


Muitos médicos consideram que a obesidade é uma doença crônica. Sabe-se que os números relativos à obesidade estão aumentando nos Estados Unidos e que mais e mais jovens estão se tornando obesos devido à má-nutrição e hábitos pouco saudáveis. As pesquisas demonstram que obesidade aumenta o risco de hipertensão, diabetes tipo 2, artrite, doençascardiovasculares, problemas respiratórios e câncer do endométrio, seios, próstata e cólon. [1] Um estudo recente também demonstrou que a obesidade eleva o risco de doenças periodontais e que talvez seja a resistência à insulina que regula a relação entre a obesidade e as doenças periodontais. [1] Descobriu-se também que os indivíduos com índice de massa corporal elevado produzem um nível mais alto deproteínas inflamatórias. [1] 
Os dentistas devem elaborar um histórico de saúde completo dos pacientes, examinar os problemas que indiquem as causas da obesidade e encaminhar o paciente a um médico para avaliação. Os dentistas devem também avaliar o estado da saúde bucal do paciente e propor um tratamento baseado no diagnóstico.

É preciso também enfatizar a importância de reduzir a presençada placa bacteriana e a inflamação que ela provoca acima e abaixo da linha da gengiva. Além disso, é essencial reforçar os cuidados a serem tomados em casa e incentivar o paciente a usar regulamente o fio dental e a escovar os dentes duas vezes por dia com um creme dental com flúor que ofereça proteção antibacteriana.

A obesidade vem registrando crescimentos
assustadores nas populações dospaíses desenvolvidos, e
também nos países em desenvolvimento; acarretando sérias
preocupações à saúde publica. Além da conhecida associação
da obesidade corporal e visceral com algumas doenças
sistêmicas graves, essa condição também está sendo
relacionada atualmente com a ocorrência da periodontite,
principalmente em adultos jovens, constituindo-se como mais
um fator de risco à doençaperiodontal. Objetivo: analisar a
relação entre a obesidade e a ocorrência da doença
periodontal, por meio de evidências apresentadas na literatura,
devido ao aumento da incidência de ambas as doenças na
população. Conclusão: Embora os recentes estudos revelem
evidências convincentes quanto à predisposição do obeso à
doença periodontal, os mecanismos envolvidos no processo
patogênico ainda permanecemdesconhecidos.
Durante mui to tempo permaneceram
inabaláveis alguns paradigmas da Periodontia, que
embora alimentados por dados científicos válidos, eram
limitados. Entre eles, encontra-se o referente à
patogênese das doenças periodontais, onde os estudos
basearam-se quase que exclusivamente em pesquisas
sobre periodontopatógenos (GENCO, 2002). Entretanto,
observando o comportamento detais afecções, verificouse
que os microrganismos por si só, não eram capazes
de desenvolvê-las, sendo necessário, para isso, a
interação com fatores de risco do hospedeiro
(ALBANDAR et al., 2000). Desta forma, o conceito atual
da etiologia multifatorial das doenças periodontais inclui
o hospedeiro como componente fundamental.

A doença periodontal só ocorre quando a
agressão microbiana e aresposta do hospedeiro são
alteradas, para um ou outro lado. Assim, todo tipo de
alteração capaz de modificar o equilíbrio fisiológico do
hospedeiro pode também mudar a etiologia, extensão,
curso e resposta ao tratamento das doenças
periodontais (GENCO, 2002).
A obesidade vem aumentando no mundo e
representa atualmente um dos maiores problemas de
saúde pública não só nos paísesdesenvolvidos, mas
também nos que estão em desenvolvimento. Somente
nos Estados Unidos cerca de 50% da população ou está
acima do peso (IMC >25) ou é obesa (IMC > 30). A
obesidade é tida como fator de risco para diversas
afecções como diabetes tipo 2, hiperlipidemia,
hipertensão, arteriosclerose, doenças cardiovasculares
e cerebrovasculares (KOPELMAN, 2000), além de
aumentar o risco de mortalidade...
tracking img