Doença pulmonar obstrutiva crônica – dpoc

FACULDADE ALVORADA – 5º SEM/FISIOTERAPIA


DOENÇA PULMONAR OBSTRUTIVA CRÔNICA – DPOC
A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) é uma doença caracterizada por limitação ao fluxo aéreo que não étotalmente reversível. A limitação ao fluxo aéreo usualmente é progressiva e secundária a uma resposta inflamatória do pulmão à partículas e gases nocivos.
 Fatores de risco
Pessoal
• Genético(alfa1-antitripsina)
• Hiperresponsividade brônquica
• Crescimento pulmonar reduzido
Ambiental
• Tabagismo
• Poeiras e produtos químicos
• Infecções
• Condições sócio-econômicasBronquite: A bronquite crônica é uma condição clínica caracterizada por excesso de secreção mucosa na árvore brônquica, levando a sintomas de tosse crônica ou de repetição junto com expectoração, pelo menosem 3 meses do ano, e em dois anos sucessivos.Principais fatores etiológicos: hábito de fumar cigarros e a poluição ambiental, levando a uma síndrome pulmonar que se caracteriza por obstrução crônicadas vias aéreas inferiores.
Fisiopatologia:

• Produção excessiva de muco
• Hipertrofia das glândulas mucosas
Índice de Reid (glândula/parede) > 0,4
• Inflamação crônica nas pequenas vias éreas• Alterações degenerativas peribrônquicas
• Limitação ao fluxo aéreo pela obstrução na luz e na parede brônquica
• Hiperinsuflação pulmonar dinâmica
• Relação V/Q diferente de 1
• Padrão shunt• Hipertensão pulmonar – cor pulmonale
• Retentor de gás carbônico
• Blue bloatter (inchado azul)

Quadro Clinico: O paciente tem tosse, expectoração de muco, falta de ar, febre quando apresentaalguma infecção respiratória associada, cianose, chiados no peito (sibilo). O inchaço nas pernas e nos pés pode ocorrer pela piora na condição de trabalho do coração, em decorrência a bronquite grave.Diagnostico Clinico: O diagnóstico é baseado pela associação dos sinais e sintomas referido pelo paciente junto com os hábitos ocupacionais. O medico poderá solicitar exames complementares para...