Documentario

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (683 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Como orientar a transição da pré-escola para o 1º ano

Estudo identifica as principais dificuldades das crianças nesse momento de mudanças
Elisângela Fernandes (novaescola@atleitor.com.br)
Aténovembro é permitido - e valorizado - correr, brincar, conversar e beber água quando dá vontade. Poucos meses depois, após o recesso escolar, a situação é outra: a mesma criança precisa ficar sentada emsua carteira, em silêncio e trabalhar sozinha. Ir ao parque, só é permitido uma vez na semana. A descrição pode parecer insólita, mas esses fatos são bastante recorrentes na transição da EducaçãoInfantil para o Ensino Fundamental.

Com o objetivo de investigar essa fase de intensas mudanças, Flávia Miller Naethe Motta acompanhou uma turma desde a pré-escola até o fim do 1º ano, de 2007 a2009, no município de Três Rios, a 125 quilômetros da capital fluminense. Com base na abordagem etnográfica, ela observou e registrou como a cultura infantil se apresenta na escola. O resultado está natese de doutorado De Crianças a Alunos: Transformações Sociais na Passagem da Educação Infantil para o Ensino Fundamental, defendida na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ).

Otrabalho evidencia como os alunos desenvolvem táticas de resistência ao processo de escolarização e reforça que eles continuam sendo crianças após ingressar no 1º ano. De acordo com a pesquisadora, aregra de que o barulho não deve estar presente na classe - uma das grandes diferenças da nova fase para a anterior - apareceu em vários momentos durante sua observação das aulas. "Quando fiz otrabalho de campo, percebi que não havia silêncio algum, apesar do esforço da professora para que as crianças se apropriassem das rotinas escolares", lembra Flávia. 

Da Pré-escola ao 1º ano: novidade semsusto 

Rotina do 1º ano 

Procurando manter a rotina a que estão acostumados, os pequenos desenvolvem algumas estratégias. Levantam-se constantemente para apontar o lápis, conversam baixinho,...
tracking img