Dna e seus processos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3310 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1. INTRODUÇÃO


“A.D.N., abreviatura de ácido desoxirribonucléico, que constitui o essencial dos cromossomos do núcleo celular. (D.N.A. na terminologia anglo-saxônica.)”. (Koogan/Houaiss, Enciclopédia e dicionário [p.23])


Molécula de suma importância, pois contem a informação genética responsável pela herança das características dos ascendentes. Coordena sua própria replicação ea de outros componentes da célula. Pequenas alterações na propriedade de replicação podem ter conseqüências graves, e a sua destruição leva à morte celular.
Apesar dos sistemas existentes para proteger a instrução genética dos erros de cópia e de lesões acidentais, alterações permanentes, chamadas mutações, ocorrem ocasionalmente. As mutações no DNA normalmente afetam a informação nelecodificada. Às vezes, esta pode ser benéfica ao organismo que sofreu mutação; contudo, são normalmente prejudiciais.
A leitura e a decifração do genoma - conjunto básico de cromossomos existentes no gameta - de todos os seres vivos, das plantas ao homem e outros animais, criam novas perspectivas para a concretização do sonho ancestral de melhorar e prolongar a vida do ser humano. Com o avanço obtido nabiotecnologia, abrem-se caminhos para o surgimento de novas empresas, profissões e produtos.
Mas o que é DNA? Onde é encontrado? O que o torna tão especial? Como ele funciona? Nesse trabalho, trataremos em detalhe da estrutura do DNA e explicaremos como ele se compõe e como determina todas as suas características.2. HISTÓRICO


O DNA é um ácido nucléico. Os ácidos nucléicos foram originalmente descobertos em 1868 por Friedrich Meischer, um biólogo suíço, que isolou o DNA das células do pus em bandagens. Embora Meischer suspeitasse que os ácidos nucléicos pudessem conter informações genéticas, ele não tinha como confirmar sua idéia.
Em 1943, Oswald Avery e seus colegas naRockefeller University, mostraram que alterações no DNA de uma bactéria como o Streptococcus pneumoniae poderia transformar bactérias não infecciosas em infecciosas. Esses resultados indicaram que o DNA era a parte da célula que guardava as informações sobre suas características. O papel das informações do DNA foi melhor estudado em 1952, quando Alfred Hershey e Martha Chase demonstraram que paraproduzir novos vírus, um vírus bacteriófago injetou DNA, não proteína, na célula hospedeira.
Então, os cientistas criaram a teoria sobre o papel informativo do DNA, mas ninguém sabia como essas informações eram codificadas e transmitidas. Muitos cientistas achavam que a estrutura da molécula era importante para esse processo. Em 1953, James D. Watson e Francis Crick desvendaram a estrutura doDNA na Cambridge University. A história foi descrita no livro de James Watson "A dupla espiral" e levada às telas no filme "The Race for the Double Helix". Basicamente, Watson e Crick usaram as técnicas e os dados de modelagem molecular de outros pesquisadores (incluindo Maurice Wilkins, Rosalind Franklin, Erwin Chargaff e Linus Pauling) para decifrar a estrutura do DNA. Watson, Crick e Wilkinsreceberam o Prêmio Nobel de Medicina pela descoberta da estrutura do DNA (Franklin, que foi a colaboradora de Wilkins e forneceu uma peça chave dos dados que revelou sua estrutura a Watson e Crick, faleceu antes de o prêmio ser entregue).




























3. ÁCIDOS NUCLEICOS


Os ácidos nucléicos (ADN e ARN) são substâncias orgânicas encontradas em todosos seres vivos; são macromoléculas formadas por cadeias de polinucleotídeos.
A unidade básica do DNA é o nucleotídeo. Os nucleotídeos são encontrados na célula tanto como componentes de ácidos nucléicos tanto quanto moléculas independentes, podendo desempenhar inúmeros papéis diferentes. Os nucleotídeos que compõem as moléculas de RNA, por exemplo, também são importantes na célula como...
tracking img