Diversidade biocultural: conversas sobre antropologia(s) na amazônia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1077 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
No texto diversidade biocultural o autor faz alusão à metáfora senegalesa que diz: “[à] noite, na floresta quando os ramos das arvores se quebram, as raízes se abraçam...” para mostrar através de comparação as mudanças que ocorreram na Amazônia desde a colonização, evidenciando que muita coisa que já deveria ter mudado ainda continuam presentes no contexto amazônico, é o caso do colonialismo, quecomo o autor coloca muito bem é como se fosse uma “erva de passarinho” que assim como as mangueiras, a Amazônia também quer ser se livrar mas o colonialismo continua presente na nossa realidade tirando toda a vitalidade da Amazônia.
Os Bioantropólogos são questionadores e curiosos, não se conformam com as explicações dadas pelas religiões e por isso acabam tendo problemas.
A bioantropologiaou antropologia biológica é uma divisão da antropologia que estuda o homem tendo como foco sua parte animal. Seu pano de fundo é a diversidade, pois tenta entender como a seleção natural nos faz tão diferente. Ela faz esse estudo baseando-se também nas influências que o ser humano recebe do meio em que vive, no entanto sempre enfatiza a influência que sua parte natural exerce sobre seucomportamento.
Nesse sentido, o objeto de seu estudo é o homem, considerando-se sua origem e evolução desde o surgimento dos primeiros hominídeos até a sua forma atual, sempre se levando em conta que o ser humano está sempre suscetível as influências naturais, assim como qualquer outro animal.
Dessa forma as ferramentas usadas pela bioantropologia são intimamente ligadas à biologia, pois é a partirdesse escopo que se encontra características essenciais do homem como um ser animal. Procura-se, por meio desse estudo do ser humano como fruto do meio natural, definir seu lugar na natureza e ao mesmo tempo definir sua característica principal nela.
Caminhando nessa direção, uma das preocupações da bioantropologia é o estudo do homem quanto sua raça e sua diferenciação, nesse aspecto, o que jácausou severos conflitos na sociedade humana. Isso quer dizer, em termos gerais, que a bioantropologia se preocupa também com a prática da caracterização do homem em raças, e o que isso quer dizer realmente para definir suas verdadeiras diferenças ou para mostrar suas semelhanças. Um aspecto importante analisado é a questão da cor, porque existem brancos e negros? Essa diferenciação se deve a melaninaque é uma substancia natural que ajuda a proteger a pele dos raios solares.
A origem do homem, segundo estudos, ocorreu a entre cerca de quatro a dois milhões de anos atrás, na África com os australopitecineos: pesquisadores dividiram esse grupo em 8 espécies sendo que a espécies mais parecida com o homem atual é o Australopithecus Afarensis, cujo melhor exemplo é Lucy.
A bioantropologia buscao conhecimento do ser humano no sentido de determinar até que ponto ele é considerado fruto da sociedade civilizada em que vive, e o quanto ele é consequência daquilo que é como ser animal pertencente à natureza.
Segundo a teoria evolutiva de Charles Darwin (1809-1882) quanto mais uma espécie sobrevive aos mais diversos habitats, mais adversa biologicamente ela se torna. Deve-se ao fato do serhumano ser altamente adaptável a grande diversidade cultural e biológica do ser humano.
Arqueologia é uma ciência social que estuda as culturas e os modos de vida do passado a partir da análise de vestígios materiais.
Os estudiosos de Geografia, História, Ecologia e Arqueologia conceituam paisagem como espaço constituído de elementos naturais e culturais, sendo que ela só é natural antes presençado homem e ele a modifica a partir do momento que tem contato com ela. Dessa forma poderíamos dizer que são pouquíssimos os ambientes naturais. A interferência humana algumas vezes causa catástrofes ambientais e outras vezes traz benefícios como florestamento. Quando os coletores chegaram à Amazônia há cerca de 11 mil anos, levaram espécies de um lado para outro e esta ação ocasionou essa...
tracking img