Disperpsia e depressão

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4680 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
DISPEPSIA

O que é?
Chamamos de dispepsia os sintomas relacionados ao abdômen superior, geralmente chamados de "indigestão. Digamos que a digestão nada mais é do que transformar partículas grandes em pequenas, num processo que começa na boca e termina no intestino, tendo o envolvimento da saliva, do suco gástrico, do bile e enzimas. Ao digerir alimentos, o organismo está recebendo nutrientesessenciais para seu bom funcionamento e se a digestão não ocorre de maneira adequada, o fornecimento destes nutrientes fica alterado, tendo como conseqüência a degeneração do alimento e a transformação desses, em gases, ácidos e outras substâncias venenosas que prejudicam a saúde.
O indivíduo com hábitos saudáveis como: a prática de atividade física regular, alimentação equilibrada, peso adequado,não fumar e não exagerar no consumo de bebidas alcoólicas, na maioria das vezes não apresenta sintomas de dispepsia. Portanto, se esses hábitos forem realizados opostamente, como alguém acima do peso, sedentário, fumante, um abuso na quantidade de alimentos, a rapidez com que se alimenta, consumo de alimentos de difícil digestão e bebidas alcoólicas, aumentam as chances de sofrer desta patologiatão comum.
Não se pode deixar de incluir na lista de possíveis causas, o estresse do dia-a-dia. Este por sua vez, além de deixar o metabolismo “atordoado”, faz com que a digestão fique complicada. Ou seja, a correria cotidiana, gera um ciclo vicioso, corre-corre, stress, o individuo acaba ficando sem tempo para se alimentar de maneira saudável e calma, assim como nem pensa para mastigar,desencadeando uma digestão difícil, o que interfere no rendimento do trabalho e também afeta o humor. Assim, como conseqüência desses maus hábitos é possível constatar vários sintomas, como por exemplo: dor, arrotos, peso, queimação, náusea, saciedade precoce, vomito, distensão abdominal (estufamento) e sensação de mal-estar depois de uma alimentação inadequada. Freqüentemente, as pessoas confundem ossintomas acima com gastrite. Gastrite é uma inflamação no estômago, que pode ou não causar esses sintomas. Do mesmo modo, nem sempre a dispepsia está associada a gastrite.
• PREFIRA: leite e iogurte desnatado, pão integral, frutas e sucos naturais, carnes brancas e magras, hortaliças cozidas, bastante água.

• EVITE: leite e iogurte integral, queijos amarelos, frituras, biscoitos recheados, carnesvermelhase vísceras com excesso de molho, pimentas e café em excesso.

Tipos de Dispepsia
A dispepsia divide-se em dois grandes grupos: um secundário que é a doença, e outra denominada dispepsia funcional (DF). A dispepsia orgânica (DO) pode ser definida como secundária por causar lesões específicas, como:
• úlcera péptica: uma lesão localizada no estômago ou duodeno com destruição damucosa da parede destes órgãos, atingindo os vasos sanguíneos subjacentes.

• Esofagite: uma inflamação da mucosa esofágica causada, na maioria das vezes, por refluxo de conteúdo gástrico. A mucosa do esôfago, mais sensível, não é adequada para receber conteúdo extremamente ácido como o suco gástrico.

• Câncer gástrico: ocorre em algum ponto da mucosa do estômago (camada de revestimento interno),mostrando-se como uma lesão (tumor) elevada, irregular, de milímetros a centímetros de diâmetro, freqüentemente ulcerada, podendo lembrar uma verruga com uma pequena cratera em seu ponto mais alto. A ulceração é fruto da multiplicação celular descontrolada, característica de malignidade.

• Colelitíase: calculo na vesícula biliar.
Já a dispepsia funcional é uma alteração do funcionamento dotrato gastrointestinal sem causa definida. Algumas alterações do aparelho digestório que podem levar a dispepsia são a litíase biliar (pedra na vesícula), as pancreatites (processos inflamatórios do pâncreas causados por vários fatores), a doença de Crohn e doenças de má absorção. Entretanto, as causas mais comuns são a dispepsia funcional e a litíase biliar, responsáveis pela maior parte dos...
tracking img