Dismenorreia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (920 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
DISMENORRÉIA
Tratamento medicamentoso: ACO; AINE’S: inibidores de prostaglandinas; Tranquilizantes; Estrogênios; Progestogênios; Antagonistas do cálcio; Agentes betamiméticos; Sais de magnésio;TRÊS GRUPOS DE ANTIINFLAMATORIOS
Grupo 1: diclofenaco - atua apenas na ciclo oxigenase, diminuindo a produção dos mediadores de dor. Não atua sobre a musculatura lisa uterina.
Grupo 2: Pirazolonas:fenilbutazona, feprazona. Não possui efeito na musculatura lisa
Grupo 3: Derivados dos oxicanos – piroxicam, naloxicam. São os melhores. Diminuem a produção, pois atuam sobre a COX e ocupa receptoralvo. Usar no primeiro dia da menstruação 1 comp de 12 em 12 ou de 8 em 8h
AINS´s: Diclofenaco 50mg 8/8h VO – BARATO!Cetoprofeno (Profenid) 100mg 12/12h ou 200mg 24h – PRÁTICO!; Ácido mefenâmico: Ponstan500mg VO 8/8h – BONS RESULTADOS!

ENDOMETRIOSE
- Quadro clínico:
30 a 40% - assintomáticas - é portadora, tem comprometimento da fertilidade, mais não tem quadro de dor.
Dor pélvica: cíclica,piora no período peri-menstrual, sofre irradiação
Dispaurenia profunda: tem foco de endometriose no fundo de saco sentindo dor no ato sexual.
Dismenorreia: focos no miométrio
Dor a defecação: quandoo foco é no intestino, principalmente no reto.
Implantes peritoneais: liberação de PG’s – extravasamento de sangue em tecidos adjacentes – DOR
Sintomatologia depende da profundidade do tecidoectópico
Endometriomas: tumores que normalmente acontece no ovário com a fimbria que podem ser vesículas ate nódulos; o exame de laparoscopia deve ser feito no periodo menstrual pois deve-se visualizar ofoco que está sangrando.

- Localização mais comum em ordem de frequência:
Ovário: “chamuscado de pólvora”
FS Douglas: manchas ou nódulos avermelhados até achocolatados
Ligamentos uterossacros eredondo
Trompa de falópio, umbigo, cicatriz de laparotomia, intestino, bexiga, ureter, vagina, períneo, pulmões e pleura
- Etiopatogenia
Mistério
Doença das teorias: teorias que tentam explicar...
tracking img