Disforia de gênero e escola

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (735 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
DISFORIA SEXUAL NA ESCOLA – Elaboração de uma Intervenção psicológica.
Este tema é muito complexo para se fazer uma intervenção, pois esse tipo de questão necessita de um exame apurado, criterioso ecuidadoso. Disforia de gênero surge no momento em que uma pessoa fica confusa em relação a sua identidade sexual e percebe que o corpo que possui, não corresponde ao gênero que sente ter, é nessecontexto que surge as incertezas, confusões, dúvidas. E como conseqüência, o medo, a insegurança, angustia etc. Temos que partir da premissa que a disforia de gênero não é um transtorno de comportamentoe nem de conduta, não é transtorno médico, nem psiquiátrico, não é caso de policia. É um aspecto humano que de alguma maneira produz efeitos profundos sobre a vida do individuo, da família, dasociedade e das comunidades em geral. Na escola, os psicólogos atuam de maneira minimizar os impactos que os novos paradigmas sexuais têm provocado nos alunos e mesmo nos professores, tendo em vista astradições sociais, onde casos como os dos disfóricos sexuais eram considerados aberrações ou desvio de conduta ou até mesmo falta de vergonha. O papel do profissional psicólogo é tentar minimizar ostraumas psíquicos e sociais nas vidas das pessoas que possuem disforia sexuais e seus familiares. O Psicólogo deve ter um bom entendimento profissional, pautado na ética, para que assim possa cuidar do bemestar físico e mental das crianças que ainda não entendem de maneira clara o que está acontecendo com elas; os adolescentes que se encontram em fase de transição e os adultos que por motivos alheiosa sua vontade não assumiram sua condição sexual e sofrem sem saber o que fazer. O psicólogo não vai dizer a nenhum dos seus clientes o que deve ou não deve fazer com a sua vida e suas preferênciassexuais, mas pode fazer com que a pessoa entenda o que está acontecendo com ela e assim, a própria pessoa tomará a decisão que lhe aprover.
Proposta para uma Intervenção de Disforia de gênero e...
tracking img