Discurso de mt 15, 21-28

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3410 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE
Disciplina: Grego I
Docente:
Discente: Jean Cássio Pereira
Para uma análise preliminar dos discursos em Evangelho de São Mateus:
DISCURSO DE Mt 15, 21-28
1- Contexto histórico: Quando? Que período da vida de Jesus?
R: A narrativa da Mulher Cananéia é dada aqui para mostrar claramente que aquilo que Jesus procurava outorgar a Israel, seu ministério e os benefícios do mesmo,eventualmente seriam dados dos gentios. Esta história, pois representa um novo estagio no ministério de Jesus, e tem amplas implicações.
A história da mulher Cananéia tem paralelo em Marcos 7, 24-30. Foi necessário que Jesus deixasse totalmente, por algum tempo, o território dos judeus, por isso saiu da Galileia. As autoridades enviadas para espionar a Jesus, vindas de Jerusalém, tinham entrado emconflito com ele, não somente acusando-o de transgredir a tradição dos anciões, mas também declarando que ele e os seus discípulos eram imundos e profanos, porquanto não observavam as diversas regras tradicionais com respeito às leis cerimoniais, como por exemplo, a lavagem das mãos. As palavras de Jesus contra aqueles homens não foram menos severas, porquanto ele mostrou que de fato, eles é querealmente estavam sob as más condições espirituais que atribuíram a Jesus e a seus discípulos. O Senhor mostrou que essa má condição da alma, do home interior, do caráter essencial do individuo, e não dependia de qualquer superficialidade como a lavagem das mãos ou a falta da mesma, o que só quebrava uma lei cerimonial.
A cisão entre Jesus e as autoridades religiosas dos judeus se agravou a talmodo que não havia mais possibilidade de reconciliação, daí por diante. As autoridades religiosas só desejam a morte de Jesus, e o Senhor sabia disso. Por esse motivo é que saiu da Galileia, como antes já deixara a Judéia, em face da oposição das autoridades religiosas. A oposição dos judeus forçou-o a refugiar-se em território gentílico. Em Marcos 7, 24, no texto paralelo, parece indicar que Jesusquis ficar ali por algum tempo, provavelmente a fim de pensar e de preparar os seus passos futuros da Galileia, e para acalmasse a controvérsia.


2- Contexto Geográfico: Onde?
R: O texto indica que Jesus estava somente entrou pequena distancia de seu território, perto das fronteiras da Fenícia com a Galiléia. O texto parece contrário à ideia de alguns interpretes que dizem que Jesus nãoentrou nesse território gentilício, mas tão só viajou na direção do mesmo. Por enquanto, Jesus era como um despatriado, o mundo judaico se fechara para ele, e segundo os propósitos de sua missão, era impossível ter um ministério de qualquer proporção entre os gentios ou nos territórios ocupados pelos judeus. Viajou para o Norte, e finalmente chegou ao mediterrâneo, ali se achavam as cidades de Tiro eSidom.
Sidom tem uma história de intenso comércio e de grandes riquezas, além de ter sido um centro das artes e das ciências. Era o mais antigo mercado fenício. A moderna Saida, na república do Líbano, assinala o local da cidade antiga, 32 quilômetros ao sul da moderna cidade de Beirute. Tiro estava localizado a 40 quilômetros a oeste de Cesaréia de Felipe e a 40 quilômetros ao sul de Sidom.Contava com dois portos, um deles em uma ilha próxima e outro em território continental. Os arqueólogos acreditam que esse porto seja a Ussu das antigas inscrições assírias.
A Fenícia é um território situado na costa oriental do mar mediterrâneo, e se estendia por cerca de 240 quilômetros entre os rios Litani e Arvade (modernamente denominados Líbano e Latáquia). Dentre os territórios de Israel, aGaliléia era a que lhe ficava mais próxima, ao norte e a oeste.

3- Contexto Literário: Que lugar do livro?
R: O capítulo 15, 1-20 vem nos falar da relação de Jesus com a tradição, ou seja, a tradição oral que acompanha o texto oficial sem fazer parte dele. Um texto sapiencial de âmbito doméstico reflete a pratica da tradição: “Escutai filhos..., ensino-vos uma boa doutrina... eu...
tracking img