Disciplinas patologicas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1138 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Paulista
DISCIPLINA: PATOLOGIAS CLÍNICAS

PLANO DE AULA

Aula ministrada aos alunos da UNIP, curso de Graduação em Enfermagem, 1º semestre da disciplina de Patologias Clínicas.



ROBERTA DE SIQUEIRA PEREIRA
RA: B35GHD0

SÃO PAULO
MAIO/2012
PLANO DE AULA

IDENTIFICAÇÃO DAINSTITUIÇÃO:

INSTITUIÇÃO: UNIVERSIDADE PAULISTA
CURSO: GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM 1ºSEMESTRE
DISCIPLINA: PATOLOGIAS CLÍNICAS
PÚBLICO ALVO: ALUNOS DA UNIP
DATA: 30/05/2012
DURAÇÃO: 40 MINUTOS
HORÁRIO: 10 HORAS
ALUNA: ROBERTA DE SIQUEIRA PEREIRA

Tema: Sistema renal
Objetivos
Geral:
Compreender o conteúdo relacionado às doenças, as diferenças entre doença crônica e aguda, os seussintomas e quais os cuidados e tratamentos utilizados para minimizar seu progresso rápido.
Entendendo o sistema renal
O sistema renal, juntamente com o sistema urinário, atua como uma usina de tratamento de água do organismo. Esses sistemas trabalham em conjunto com a finalidade de coletar produtos de excreção do organismo e os expelir sob a forma de urina.
Cada rim encontra-se localizado num doslados do abdome, proximamente da região lombar. Esses órgãos compactos abrangem um sistema de filtração bastante eficiente, filtram cerca de 170 litros de líquido por dia. O subproduto dessa filtragem é a urina, a qual contém água e excreta.
Uma vez produzida pelos rins, à urina percorre o sistema urinário e é expelida pelo corpo. Outras estruturas do sistema que descendem a partir dos rins são:Ureteres: tubos musculares, de 40,5 a 45,5 cm, que se contraem ritmicamente (ação peristáltica) a fim de conduzir á bexiga à urina proveniente de cada rim.
Bexiga urinária: bolsas com paredes musculares que coleta e mantém a urina (300 a 500 ml) expelida dos ureteres a intervalos de poucos segundos.
Uretra: via estreita, circundada pela próstata em homem, que se estende da bexiga até o limiteexterno do organismo, através da qual a urina é excretada. As funções vitais que os rins desempenham são:
Manter o equilíbrio hídrico e ácido básico, em como regular a concentração eletrolítica;
Detoxificar o sangue e eliminar resíduos;
Regular a pressão sanguínea;
Auxiliar na produção de glóbulos vermelhos sanguíneos (eritropoese);
Regular a formação de vitamina D e de cálcio.

Insuficiênciarenal aguda
A insuficiência renal aguda é a interrupção súbita da função renal. Pode ser causada por obstrução, circulação diminuída ou doença renal. É potencialmente reversível, no entanto, se não tratada, a lesão permanente pode levar á insuficiência renal crônica.
Fisiopatologia
A insuficiência renal aguda pode ser classificada como pré-renal, intrarrenal ou pós-renal. Cada tipo apresentacausas separadas.
A insuficiência pré-renal resulta de condições que diminuem o fluxo sanguíneo aos rins (hipoperfusão). Alguns exemplos são hipovolemia,hipotensão,vasoconstrição ou débito cardíaco inadequado. Determinada condição, a azotemia pré-renal (excesso de produtos residuais nitrogenados no sangue), responde por 40% a 80% de todos os casos de insuficiência renal aguda. A azotemia ocorre comoresposta á hipoperfusão renal. Em geral, a azotemia pode ser rapidamente revertida através da restauração do fluxo sanguíneo renal e da filtração glomerular.
A insuficiência intra-renal, também chamada intrínseca ou insuficiência renal parenquimatosa, tem origem em lesão das estruturas de filtragem dos rins, normalmente oriunda de necrose tubular aguda, distúrbio este que provoca morte celular,ou a partir de substâncias nefrotóxica, como determinados antibióticos. A insuficiência pós-renal resulta da obstrução bilateral do fluxo de saída da urina, como na hiperplasia prostática ou na obstrução na saída da bexiga. Tratando a insuficiência renal aguda, veja alguns exemplos:
-Dieta rica em calorias, porém fraca em proteína, sódio e potássio;
-Equilíbrio hídrico e eletrolítico;...
tracking img