Direito

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1202 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
PRINCÍPIOS ECONÔMICOS DE TOMADA DE DECISÕES INDIVIDUAIS (4)

1) As Pessoas Enfrentam "trade offs"
- Quando optam por algo e abrem mão de outra coisa; escolhas
- Trade off clássico: armas e manteiga >> Quanto mais se gasta com armamento e segurança nacional, menos se investe em bens de consumo para se elevar o padrão de vida interno.
- Trade off conhecido: eficiência e equidade >> Aeficiência se refere a obter o máximo que a sociedade pode de seus recursos escassos, e equidade significa igualdade de distribuição dos benefícios conseguidos com eficiência. Quando o gov. cobra mais dos ricos por impostos de renda e repassa essa verba aos mais pobres acaba desvalorizando o trabalho árduo. Então, quando o governo tenta manter a equidade acaba diminuindo a eficiência, pois, sem estímulopara trabalhar o bolo econômico se reduz. 

2) O custo de alguma coisa é aquilo de que se desiste para obtê-la
- Como as pessoas enfrentam "trade offs", a tomada de decisões exige comparar os custos e os benefícios das várias alternativas oferecidas pelo mercado.
- O custo de oportunidade de um ítem é aquilo de que se abre mão para conseguí-lo.Por exemplo, se eu tenho um aniversário de um amigo eum churrasco que queira ir marcados para o mesmo horário em uma mesma data, o custo de ir a qualquer um deles será muito maior para mim do que para outro convidado que não tenha de abrir mão de um compromisso terceiro.

3) Pessoas racionais pensam na margem- Margem pressupõe a existência de extremos; mudanças marginais são ajustes feitos a essas extremidades.
- As oportunidades de escolha nãosão absolutas e a economia é dinâmica, e, não, estática.
- Na maioria dos casos, as pessoas tomam decisões melhores quando pensam na margem. Elas acabam avaliando os benefícios e os custos marginais. Se aqueles ultrapassarem estes, então, a decisão deve ser tomada.

4) As pessoas reagem a incentivos
- Os formuladores de políticas públicas nunca poderão esquecer-se dos estímulos, uma vez quemuitas das ações governamentais alteram o custo-benefício de algo e, por isso, o comportamento das pessoas.
- Ao analisarmos qualquer política pública precisamos considerar, não apenas seus efeitos diretos, mas também os indiretos que operam por meio de incentivos. Se uma política muda os incentivos, muda, também, o comportamento das pessoas.
- Incentivos: sanções, descontos, promoções, abatimentono imposto de renda (caso das doações), redução do preço na compra de grandes quantidades de um mesmo artigo, moda (cultura pop), propaganda...

PRINCÍPIOS ECONÔMICOS DE COMO AS PESSOAS INTERAGEM (3)

5) O comércio pode ser bom para todos
´- O comércio permite que as pessoas se especializem na atividade em que melhor atuam. 
- Ao comerciar, as pessoas comprar uma maior variedade de bens eserviçoes a um custo menor.
- Apenas de forma excepcional alguém poderá produzir tudo de que precisa sozinho.O ser humana é um ser gregário, social, e, por isso, colabora entre sí.
- As famílias são as unidades primeiras de produção e consumo.
- Princípio da divisão social do trabalho: cada grupo tende a especificar e hierarquizar as funções de seus componentes.
- A especificação gera excessosque é o material de comércio que garante menor custo.

6) Os mercados são, geralmente, uma boa maneira de organizar a atividade econômica- Na troca é necessária a reciprocidade de demandas.
- Numa economia de mercado, as decisões do planejador central são substituídas por milhões de empresas e famílias. Aquelas decidem quem contratar e o que produzir, enquanto estas em quais traballhar e(ou) dequais comprar.
- Numa economia de mercado, os interesses particulares acabam se encaminhando para o cuidar do bem-estar socio-econômico geral.
- Adam Smith, em A Riqueza das Nações (1776), diz que as famílias e empresas, ao interagirem com os mercados, agem como se guiadas por uma mão invisível que as conduz a bos resultados de mercado. 
" O conjunto de decisões econômicas é o ente abstrato...
tracking img