Direito

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1225 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE VALE DO JAGUARIBE-FVJ
CURSO: DIREITO

DISCIPLINA: ECONOMIA APLICADA AO DIREITO

ASSUNTO: FUNDAMENTOS DA CIENCIA ECONOMICA – PARTE II

PROFESSOR: FABRÍCIO JOSÉ COSTA DE HOLANDA



1. PRODUCAO ECONOMICA

As necessidades dos seres humanos devem ser satisfeitas com bens e serviços que não estão prontos para o consumo e que precisam ser produzidos. Para que isto aconteça,utilizamos os fatores de produção.

Esta aula tem como objetivo apresentar as classificações dos bens e serviços, e o conceito e caracterização dos fatores de produção.

2. BENS E SERVIÇOS

Podemos definir necessidade como a sensação de carência de algo combinada com a intenção de supri-la. Bens e serviços, por sua vez, podem ser definidos como tudo aquilo que satisfaz uma necessidadehumana. Eles carregam em si a utilidade.

Os bens podem ser classificados quanto a sua raridade, quanto a sua natureza, destino de utilização, etapa de consumo e caráter.

2.1. QUANTO A RARIDADE

De acordo com essa classificação, podemos definir os bens livres e os bens econômicos.

Os bens livres são aqueles cujo acesso é livre a todos indistintamente, sem a concorrência noconsumo e sem que seja necessário pagar por seu uso. Esses bens estão, portanto, disponíveis livremente no ambiente que vivemos. É o caso de luz solar, da água e do ar que respiramos, entre outros. Qualquer pessoa pode respirar sem que isso implique em menos ar aos demais. Portanto, os bens livres caracterizam-se por não envolver relações de ordem econômica em seu consumo, isto em não possuem preço.eOs bens econômicos, por sua vez, são aqueles em que seu consumo implica em relações econômicas. Eles são relativamente escassos e há necessidade de esforço humano para obtë-los. Isso porque seu consumo é concorrente, ou seja, o consumo de determinada quantidade de um bem por um individuo significa menor quantidade a ser consumida por outro. É justamente a escassez o bem que define seu preço.Todos os bens que compramos são bens econômicos, como casas, carros, roupas, alimentos, mensalidade de academia, entre outros.

2.2. QUANTO À NATUREZA

Os bens econômicos podem ser classificados em bens materiais ou tangíveis e bens imateriais ou intangíveis.

Os bens materiais são aqueles que possuem características tangíveis, ou seja, são feitos de matéria e possuem peso, tamanho,e outras características físicas. Podemos mencionar como exemplos uma casa, um alimento, roupas, calcados, brinquedos. Esses bens caracterizam-se pela diferença de tempo entre sua aquisição e seu consumo.

Os bens imateriais, por sua vez, são intangíveis, pois não envolvem matéria. São serviços, que ao pagar por eles não temos um objeto físico para comprovar a compra, como é o caso de umserviço medico, de um advogado, mensalidade de academia, transporte, e assim por diante. A utilização desses bens e sua "compra" são instantâneas e eles não podem ser estocados.

2.3. QUANTO AO DESTINO DE UTILIZAÇAO

Classificamos os bens quanto ao seu destino de utilização em bens de consumo e bens de capital.

Os bens de consumo são aqueles utilizados diretamente na satisfação dasnecessidades humanas. Eles podem ser divididos em duráveis, semi-duráveis e não-duráveis. Bens duráveis são aqueles que podem ser utilizados repetidas vezes e por muito tempo, como é o caso de automóveis, eletrodomésticos e móveis. Os bens semi-duráveis podem ser utilizados repetidas vezes, porem não possuem durabilidade dos primeiros. Podemos mencionar como exemplo: loucas, panelas, vestuário ecalcados. Os bens não-duráveis, por sua vez, são aqueles em que o consumo é realizado apenas uma vez, como alimentos, bebidas, guardanapos e copos descartáveis.

Os bens de capital não são utilizados para satisfazer diretamente as necessidades humanas, mas estão inseridos no processo de produção dos bens de consumo. São, portanto, bens de produção. São máquinas e equipamentos das empresas,...
tracking img