Direito romano

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1736 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CAP VI– DIREITO DE PROPRIEDADE
Na família antiga havia três coisas que tinham forte relação entre si: a religião doméstica, a família e o direito de propriedade.
Havia na religião domestica o fogo sagrado e o tumulo de seus familiares que tinha necessidade de ser cultado por membros da mesma família, no qual o fogo sagrado e o tumulo que fora enterrado membros da familia jamais poderia sairdaquele lugar, se tornando solo sagrado pertencente à familia que ali estava vinculando assim o direito de propriedade.
Para proteger o maior bem do homem surgiu à necessidade de traçar limites fazendo uma marcação em torno deste solo sendo que a sepultura estabelecia um vinculo indissolúvel da familia com a terra. Estes limites estavam o solo em que a familia plantava, e dentro da casa estava otumulo e o fogo sagrado. Após a morte do pai daquela família toda responsabilidade e direitos ficariam para o filho homem mais velho tendo que todos lhe obedecer e respeitar.
Com o passar dos anos venho à lei das Doze Tabuas, onde já se permitia a divisão das terras entre seus herdeiros posteriormente já se permitia a venda do campo, mas para que isso ocorresse deveria ser realizada uma cerimôniareligiosa, pois só a religião pode dividir aquilo que ela mesma considera indivisível.
O homem que contraísse uma divida era punido, mas a terra que pertencias a familia jamais era tirada sua posse, a terra pertencia mais a familia do que ao próprio homem, onde muitas vezes ele era escravizado e castigado para pagar suas dividas, mas o solo não era tirado daquela familia que lhe pertencia.CAP VII– DIREITO DE SUCESSÃO
No direito da sucessão o direito da propriedade não desaparece, pois o homem morre, mas o culto permanece. A hereditariedade passa de pai para filho conforme determina a religião doméstica, cabe ao filho o direito da sucessão da propriedade, obrigações e dividas. Tendo em vista que a filha não herda nada, pois ela não esta apta para dar continuidade aoculto e quando ela se casa deve ela renunciar ao culto do pai e dedicar somente ao do seu esposo.
Com a morte do pai, os irmãos partilhavam as propriedades e adotavam suas irmãs, pois elas não têm o direito se sucessão paterna. A filha que ainda havia se casado poderia sim herdar e dar continuidade ao culto,mas tinha uma seria de dificuldades que colocado pela religião,pois era sempre subordinada aoirmão ou agandos da familia.Na lei Vocônia a mulher era instituída herdeira,embora filha única,solteira ou casada, e legar as mulheres metade da propriedade.O pai de filha única que morresse a religião exigia que o parente mais próximo fosse herdeiro.Em caso do home não ter filhos e vir a falecer e não havendo irmão ou sobrinho,era necessário recorrer aos antecedentes do morto, sempre pela linhamasculina até que encontrasse algum vivo para receber a herança.
O homem jamais poderia receber herança de duas famílias, em caso de filho adotivo ele deveria se desligar de sua familia adotiva para que com isso pudesse Receber sua herança da familia natural, podendo assim dar continuidade ao culto que lhe foi herdado.
Em caso de testamento deixado pra alguém que não fosse da familia, o mesmoera inválido, pois a propriedade e o culto pertencem a familia e o filho não poderia ser deserdado. Seu patrimônio era indivisível, quando o pai morria o filho mais velho assumia o lugar do pai,e todos viviam sobre a tutela do filho mais velho, representando a indivisão da familia e do patrimônio.






CAP VIII – A AUTORIDADE NA FAMÍLIA
A autoridade na familia era representada pela figurado pai, onde todos os membros da familia, esposa, filhos e os escravos lhe respeitava como o membro mais importante, pois ele que conservava e representa toda a base da familia. Estes valores se davam as crenças religiosas, na qual mostrava perante familia e a sociedade sendo superior a mulher. As crianças se tornariam maiores somente após a morte do pai, conforme as crenças religiosas.
Nos atos...
tracking img