Direito civil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1924 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1ºquestionario
1) Qual a solução para o descumprimento de obrigação de dar coisa certa sem culpa do devedor e com culpa do devedor?
Não havendo culpa do devedor e perdida a coisa antes de efetuar a tradição ou pendente a condição suspensiva resolve-se a obrigação para ambos os contratantes. Art. 238 cc. Se a coisa, sem culpa do devedor, se deteriorar vindo a sofrer diminuição de seu valor oudegradação física, caberá, neste caso, ao credor escolher se considera extinta a relação obrigacional, voltando as partes ao statu quanto antes, ou se aceita o bem no estado em que se encontra abatido de seu preço o valor do estrago art. 235 cc.
Perecendo a coisa por do devedor, ele deverá responder pelo equivalente, pelo valor que a coisa tinha no momento em que pereceu, mais as perdas e danosart.234 cc.
Deteriorando-se objeto por culpa do devedor, poderá o credor exigir o equivalente ou aceitar a coisa no estado em que se achar, com direito de reclamar, em um ou em outro caso, indenização das perdas e danos. Art.236 cc.
2) o que e concentração, na obrigação de dar coisa incerta?
A concentração e um ato jurídico unilateral, onde ocorre a individuação da coisa e se manifesta nomomento do adimplemento da obrigação.
3 descreva o que são obrigações alternativas?
A obrigação alternativa e a que contem duas ou mais prestações com objetos distintos, da qual o devedor se libera com o cumprimento de uma só delas, mediante escolha sua ou do credor.
4 em caso de prestação periódica como se da o cumprimento da obrigação alternativa?
Quando as prestações forem periódicas nasobrigações alternativas, a faculdade de opção poderá ser exercida em cada período. Art. 252 cc. S 2º
5 nas obrigações de fazer havendo descumprimento culposo como fica a responsabilidade do devedor de prestação infungível e indivisível?
Na prestação infungível, o devedor que se recusar a prestação a ele imposta, incorrera na obrigação de indenizar perdas e danos. Art. 247 cc.
Se fungível a prestação e odevedor for inadimplente ou moroso, o credor terá plena liberdade de mandar executar o fato, a custa de devedor, por terceiro, sem prejuízo do pedido da cabível indenização das perdas e danos art. 249 cc.
6 defina obrigação divisíveis e indivisíveis.
A obrigação divisível e aquela cuja prestação e suscetível de cumprimento parcial, sem prejuízo de sua substancia e de seu valor. Havendomultiplicidade de devedores ou de credores em obrigação divisível, esta presume-se a dividida em tantas obrigações, iguais e distintas, quantos forem os credores ou devedores art.257 cc.
Se a prestação for divisível com pluralidade de devedores, dividir-se a em tantas obrigações, iguais e distintas, quantos forem os devedores. E quando se tratar de obrigação divisível com multiplicidade de credores, odevedor comum pagara a cada credor uma parcela do debito, igual para todos.
A obrigação indivisível e aquela cuja prestação só pode ser cumprida por inteiro, não comportando, por sua natureza, por motivo de ordem econômica ou dada a razão determinada do ato negocial, sua cisão em varias obrigações parceladas distintas, pois, uma vez cumprida parcialmente à prestação, o credor não obtém nenhumautilidade ou obtém a que não representa a parte exata da que resultaria do adimplemento integral. Se houver pluralidade de devedores, cada um será obrigado pela divida toda. Havendo pluralidade de credores, cada um deles poderá exigir o debito inteiro, mas o devedor somente se desobrigara pagando a todos conjuntamente ou a um deles, dando este caução de ratificação dos outros credores.
7 sobreobrigações solidarias apresente a origem e as características da solidariedade.
A obrigação solidaria não se presume, resulta da lei ou da vontade das partes art.265 cc.
A obrigação solidaria tem como características a pluralidade subjetiva, a unidade objetiva e a corresponsabilidade.
E aquela obrigação em que, havendo multiplicidade de credores, ou de uns e outros, cada credor terá direito a...
tracking img