Didática teóricos

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS
DIDÁTICA DA EDUCAÇÃO INFANTIL

Reflexões sobre as pedagogias da infância:

Contribuições teóricas segundo Froebel, Dewey, Montessori, Freinet e Malaguzzi.Belo Horizonte, 2011.

Introdução

No decorrer do semestre, trabalhamos com cinco pensadores da educacao infantil. Estudamos os aspectos filosóficos, históricos e didáticos das tendênciaspedagógicas da educação para a infância nas perspectivas Iluminista e Escolanovista de Friedrich Froebel, John Dewey e Maria Montessori. Além da perspectiva sócio-cultural de Celèstin Freinet e LorisMalaguzzi.

Apesar de viverem em épocas e contextos históricos diferentes, todos esses teóricos dedicaram grande parte de suas vidas ao estudo das crianças.

Com este trabalho pretendo apresentar asprincipais contribuiçoes desses estudiosos para a educação.

Friederich Froebel (1782 -1852)
O educador alemão Friederich Froebel nascido em Oberweissbach 1782 na aldeia de Turingia principado deSwartzburg-Rudolstadt, Alemanha meridional, falecido em 1852, Marienthal, na Saxonia, presenciou e sofreu os impactos das revoluções francesa e industrial na economia, na politica, e na ideologia, de ondeemanaram os princípios para o nacionalismo.
Aprendeu, com dificuldade, as primeiras noções de leitura, escrita e cálculo com o pai, que, desanimado com a falta de talento do filho deixou deinstruí-lo. Aos 10 anos iniciou estudos regulares em uma escola paroquial de Stadt-Ilm, localidade em que viveu ate os 14 anos na residência de seu tio materno, o pastor Hoffman.
Em 1797, foi enviado paraTuringia como aprendiz de um guarda florestal, reconhecido pelo seu trabalho em agrimensura. Dessa vivência nasceu o interesse pelas ciências naturais. Em 1797, dirigiu-se a Jena, onde se matriculoucomo estudante de filosofia na Universidade do Estado.
Em 1805, dirigiu-se Frankfurt para estudar arquitetura, foi nessa época que surgiu o interesse pelas questões da educação atraves de Gruner,...