Dicionario da assistente social

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 73 (18202 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
BELO HORIZONTE. Prefeitura Municipal/Secretaria Municipal

Adjunta de Assistência Social

Dicionário de termos técnicos da Assistência Social
Belo Horizonte. Prefeitura Municipal. Secretaria Municipal Adjunta de Assistência Social. Belo Horizonte: ASCOM, 2007.
132 p.

Inclui referências.
1.Assistência Social – Dicionário. I. Título

CDU: 030.8


Ficha catalográfica: VanuzaBedeti da Silva - CRB6/1903
Prefeitura Municipal de Belo Horizonte
Fernando Damata Pimentel
Secretaria Municipal de Políticas Sociais
Jorge Raimundo Nahas
Secretaria Municipal Adjunta de Assistência Social
Rosilene Cristina Rocha

Para citar esta obra como referência:
BELO HORIZONTE. Prefeitura Municipal.
Secretaria Municipal Adjunta de
Assistência Social. Dicionário de termos
técnicos daassistência social. Belo
Horizonte: ASCOM, 2007. 132 p.
Elaboração:

Gerência de Coordenação da Política de Assistência Social:
Léa Lúcia Cecílio Braga

Organizadores:
Eugênio Prado de Freitas
Fabrícia Cristina de Castro Maciel
Mário César Rocha Moreira
Neuza Maria Lima

Colaboradores:

Adriana Dania Nogueira
Adryana Gangana Peres
Carla Andréa Ribeiro
CélioAugusto Raydan Rocha
Celsiane Aline Vieira Araújo
Denise Amaral Soares
Eliana Miranda Maia
Maria do Carmo Villamarim
Renata Daniel Caldeira
Sônia Lúcia de Oliveira
Verônica Araújo Nunes
Revisão:
Fernando França Campos
Juliana Morganti Catão

Projeto Gráfico e Editoração:

Núcleo de Mobilização e Comunicação Social
Rodrigo Furtini Cardoso

ApresentaçãoNesta publicação, intitulada “Dicionário de Termos Técnicos da Assistência Social, elaborada pela Secretaria Municipal Adjunta de Assistência Social (SMAAS) de Belo Horizonte, você encontrará a padronização da nomenclatura e dos termos utilizados nos serviços socioassistenciais que compõem a Política de Assistência Social do Município.

A versão ora publicada revisa e amplia a anterior, denominada“Pequeno Dicionário: Assistência Social de A a Z”, apresentando 201 verbetes utilizados pelos diversos serviços, programas, benefícios e projetos em execução na cidade. Os termos incluídos nesta edição são de uso corrente na formulação e na operacionalização dos Serviços Assistenciais de Belo Horizonte, dos Estados e da União.

Esta publicação se soma a outras iniciativas que visam contribuircom a unificação de conceitos, conforme preconizado pelo Sistema Único da Assistência Social (SUAS), instituído pela Política Nacional de Assistência Social (PNAS) em 2004.
7
Esperamos, com mais essa iniciativa, contribuir com o esforço de regulação e padronização nesta área, disseminando mais um instrumento de trabalho para qualificar a gestão e o controle da Assistência Social. Esse esforçoestá inserido no movimento recente da Assistência Social no Brasil, pela criação de um Sistema que supere as fragmentações e que tenha um padrão nacional, buscando maior institucionalidade, afirmando-se cada vez mais como parte fundamental da Rede de Proteção Social Brasileira não contributiva e do tripé da Seguridade Social.

Nessa perspectiva e nesse esforço nacional, a construção de umalinguagem comum, bem como de concepções e metodologias que unifiquem a ação da Política da Assistência Social, torna-se imprescindível.

Esta publicação vem contribuir sobremaneira na comunicação interna da Secretaria, facilitando o trabalho dos profissionais, gestores, conselheiros, ONG`s, usuários ,bem como no diálogo com outras Políticas Públicas e com a sociedade em geral.

8
Esta versão dodicionário, elaborada sob a direção da Gerência de Coordenação da Política de Assistência Social (GPAS) da SMAAS de Belo Horizonte, passou por amplo e participativo processo de validação, por meio de seminários específicos que emprestaram-lhe grande apoio e adesão.

Registro, por fim, os agradecimentos àqueles que participaram dessa contrução e, com alegria, disponibilizamos os conteúdos aqui...
tracking img