Diario de campo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (432 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
2.0 FORMAÇÃO DAS FAMILIAS BRASILEIRAS NO PERIODO COLONIAL E PATRIARCAL

Um fato importante foi como se formou as familias brasilçeiras com diferentes etnias a mistura de raças foramdando origem a novos traços a mistura das cores faram trazendo novas cores novas feições entre outros aspctos.
Isso aconteceu através do envoilvimento dos homens europeus com as mulheresindegenas.
No principio as uniões entre brancos e europeus não eram permitidas, mais tal permissão veio ocorrer quando decretada a extinção dos escravos indigenas através da lei de Marquês dePombal regida em 04 de abril de 1758.

2.1 O SURGIMENTO DAS PRIMEIRAS FAMILIAS BRASILEIRAS;
Depois da carta de Marquês de Pombal os reinantes foram obrigados a decidir a ocupação do Brasilatraves do povoamento.
Assim surgiram as primeiras familias no Brasil com a chegada de seus donatarios com grandes familias, agregados, serviçais e domestico.
Mesmo a igrejacatolica sendo contra a miscigenação das raças brancas e de sangue burguês se misturaram com as negras e vermelhas e indigenas.
Outro fato impotantissimo que contribuiua miscigenação foram achagada dos escravos negros, o envolvimento dos homens brancos com suas escravas negras aconteciam constantemente.

Com tudo as familias patriarcais e tradicionais foram enfraquecendo com opassar dos tempos com a diminuição dos componentes da familia o falecimento de seus chefes que trouxe como consequencia o falimento das grandes familias patriarcas.





3.0 FAMILIA“INSTITUIÇÃO FAMILIAR”

Defini-se como a união de duas pessoas que se conhecem se gostam e resolvem unir-se atravéz de laços matrimoniais ou não podem morrer juntas ou não, com intuito deconstituir a tão sonhada “familia“.

Mas embora pareça simples definir familia essa instituiçao criou raizes diferentes como a união homoafetiva que é uma discussão que vem criando...
tracking img