Diabetes

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1594 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
TRABALHO DO 2° SEMESTRE DE ENFERMAGEM 2011
DIABETES MELLITUS
I-INTRODUÇÃO
Diabete Mellitus é uma doença provocada pela deficiência de produção e/ou de ação da insulina, que leva a sintomas agudos e a complicações crônicas características.
O distúrbio envolve o metabolismo da glicose, das gorduras e das proteínas e tem graves conseqüências tanto quando surge rapidamente como quando se instalalentamente. Nos dias atuais se constitui em problema de saúde pública pelo número de pessoas que apresentam a doença, principalmente no Brasil.
Apresenta diversas formas clínicas, sendo classificado em: 
 DIABETES MELITUS I, DIABETES MELLITUS II, DIABETES GESTACIONAL E OUTROS.
II-CLASSIFICAÇÕES:
DIABETES MELLITUS TIPO I:Ocasionado pela destruição da célula beta do pâncreas, em geral pordecorrência de doença auto-imune, levando a deficiência absoluta de insulina. |
DIABETES MELLITUS TIPO II:Provocado predominantemente por um estado de resistência à ação da insulina associado a uma relativa deficiência de sua secreção. |
OUTRAS FORMAS DE DIABETES MELLITUS:Quadro associado a desordens genéticas, infecções, doenças pancreáticas, uso de medicamentos, drogas ou outras doençasendócrinas. |
DIABETES GESTACIONAL:Circunstância na qual a doença é diagnosticada durante a gestação, em paciente sem aumento prévio da glicose. |
|
III-TIPOS DE DIABETES
Os tipos de diabetes mais freqüentes são o diabetes tipo 1, anteriormente conhecido como diabetes juvenil, que compreende cerca de 10% do total de casos, e o diabetes tipo 2, anteriormente conhecido como diabetes do adulto, quecompreende cerca de 90% do total de casos. Outro tipo de diabetes encontrado com maior freqüência e cuja etiologia ainda não está esclarecida é o diabetes gestacional, que, em geral, é um estágio pré-clínico de diabetes, detectado no rastreamento pré-natal. Outros tipos específicos de diabetes menos freqüentes podem resultar de defeitos genéticos da função das células beta, defeitos genéticos da açãoda insulina, doenças do pâncreas exócrino, endocrinopatias, efeito colateral de medicamentos, infecções e outras síndromes genéticas associadas ao diabetes.
DIABETES TIPO 1
O termo tipo 1 indica destruição da célula beta que eventualmente leva ao estágio de deficiência absoluta de insulina, quando a administração de insulina é necessária para prevenir cetoacidose, coma e morte. A destruição dascélulas beta é geralmente causada por processo auto-imune, que pode se detectado por auto-anticorpos circulantes como anti-descarboxilase do ácido glutâmico (anti-GAD), anti-ilhotas e anti-insulina, e, algumas vezes, está associado a outras doenças auto-imunes como a tireoidite de Hashimoto, a doença de Addison e a miastenia gravis. Em menor proporção, a causa da destruição das células beta édesconhecida (tipo 1 idiopático). O desenvolvimento do diabetes tipo 1 pode ocorrer de forma rapidamente progressiva, principalmente, em crianças e adolescentes (pico de incidência entre 10 e 14 anos), ou de forma lentamente progressiva, geralmente em adultos, (LADA, latent autoimmune diabetes in adults; doença auto-imune latente em adultos). Esse último tipo de diabetes, embora assemelhando-seclinicamente ao diabetes tipo 1 auto-imune, muitas vezes é erroneamente classificado como tipo 2 pelo seu aparecimento tardio. Estima-se que 5-10%dos pacientes inicialmente considerados como tendo diabetes tipo 2 podem, de fato, ter LADA.
DIABETES TIPO 2
O termo tipo 2 é usado para designar uma deficiência relativa de insulina. A administração de insulina nesses casos, quando efetuada, não visaevitar cetoacidose, mas alcançar controle do quadro hiperglicêmico. A cetoacidose é rara e, quando presente, é acompanhada de infecção ou estresse muito grave (NATIONAL INSTITUTE FOR CLINICAL EXCELLENCE, 2004).
A maioria dos casos apresenta excesso de peso ou deposição central de gordura.Em geral, mostram evidências de resistência à ação da insulina e o defeito na secreção de insulina manifesta-se...
tracking img