Design

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2783 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Michel Santos Lacerda

PÓS-MODERNISMO E A SUA RELAÇÃO COM O DESIGN E OS IRMÃOS CAMPANA

Trabalho apresentado ao Curso
de História do Design da Faculdade de Design Gráfico

Professor (a): Inês Maciel

Introdução

Os Irmãos Campana (Humberto Campana, Rio Claro, 17 de março de 1953, formado em Direito e Fernando Campana, Brotas, 19 de maio de 1961, formado emArquitetura) são artistas plásticos e designers brasileiros. Seu pai, já falecido, o Dr. Alberto Campana, nasceu em Jau, SP, e depois de formado em Engenharia Agronômica, radicou-se em Brotas, onde trabalhou por muitos anos na Casa da Lavoura, a qual hoje tem o seu nome.
Sua mãe, Dona Célia Maria Piva Campana, brotense de família tradicional, foi professora no famoso Grupo Escolar DonaFrancisca Ribeiro dos Reis, de Brotas. Os dois viveram sua infância e adolescência em Brotas. Já formados, foram para São Paulo, onde iniciaram sua carreira artística. Os renomados Fernando e Humberto Campana são designers brasileiros com reconhecimento internacional desenvolvem em seus trabalhos uma composição de criatividade, artes plásticas e design.
Do interior de São Paulo para omundo, eles resgatam em suas peças as mãos dos artesãos. Destroem, constroem, tecem, retecem, juntam, misturam uma gama variada de materiais, materiais esses em geral bem simples, cotidiano, às vezes um tanto tosco e com seu olhar diferencial transformam em algo enigmático e surpreendente. Os irmãos Campana são os únicos brasileiros com peças no acervo do MoMA, em Nova Iorque, e no Museu de ArtesDecorativas de Paris, ao lado dos mais grandiosos nomes de design no mundo.
Alguns dos prêmios dos artistas:
1992 - Prêmio Aquisição, Museu de Arte Brasileira FAAP (Fundação Armando Álvares Penteado) São Paulo. Biombo Cerca.
1996 - Primeiro Prêmio Categoria Design (1º lugar) XXI Salão de Arte de Ribeirão Preto, SP. Cadeira de Papelão.
1997 - Primeiro Prêmio Categoria Móveis Residenciais (1º lugar)ABIMÓVEL (Associação Brasileira de Indústria de Móveis) São Paulo. Mesa Inflável.
1998 - Segundo Prêmio Categoria Móveis Residenciais (2º lugar) Museu da Casa Brasileira, São Paulo. Estante Labirinto.
1999 - Prêmio George Nelson Design Award, Revista Interiors, EUA.
2001 - Prêmio Especial, Museu da Casa Brasileira, São Paulo, Brasil, H.Stern coleção de jóias.
2005 - Le Prix du Nombre d Or,Salon du Meuble de Paris, França para Fernando e Humberto Campana.
2005 - Primeiro lugar na cDim award da Feira Internacional de Móveis de Valencia pela cadeira Corallo.

Referencial Teórico
O Pós-modernismo pode ser definido como as características natureza
sociocultural e estética, que marcam o capitalismo da era contemporânea, portanto esta expressão pode designar todas as profundasmodificações que se desenrolam nas esferas científica, artística e social, dos anos 50 até os dias atuais.
Este movimento, que também pode ser chamado de pós-industrial ou financeiro, predomina mundialmente desde o fim do Modernismo. Ele é, sem dúvida, caracterizado pela avalanche recente de inovações tecnológicas, pela subversão dos meios de comunicação e da informática, com acrescente influência do universo virtual, e pelo desmedido apelo consumista que seduz o homem pós-moderno.
Sendo a pós-modernidade uma época de inovações técnicas, sociais, artísticas, literárias e políticas, entre outras, opõe-se naturalmente ao Modernismo ou à
Modernidade, sendo que o declínio das vanguardas deste mesmo Modernismo marca a transição entre estes dois períodos. Um destesaspetos foi à progressiva implantação do abstracionismo na figuração, no que se refere à arte, por exemplo, impondo-se progressivamente a "crise da representação". Projetada já pelos impressionistas (Monet, Renoir, Sisley, Cézanne), pontilhistas (Seurat, Signac), cubistas (Picasso, Bracque) e futuristas (Boccioni, Carrà, Giacomo Balla), entre outros movimentos vanguardistas, atingiu o auge evolutivo...
tracking img