Desenvolvimento motor

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 37 (9185 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Escola Superior de Educação de Torres Novas

Licenciatura em Educação Física, Desporto e Lazer

Desenvolvimento Motor

-------------------------------------------------

-------------------------------------------------
Estudo da aptidão física e morfológica dos alunos da Escola Prática de Policia (EPP)
-------------------------------------------------

Discentes: Fábio Costa N º110192
Francisco Cordeiro N º 110
José Conchinha N º 110188
Jorge Rodrigues N º
Paulo Costa N º

Docente: Marco Batista

Junho de 2011

Agradecimentos

Na verdade, para chegarmos aqui, nesta etapa da vida de estudante trabalhador, contámos sempre a ajuda e apoio de familiares amigos e professores, é com elevado reconhecimento que aqui agradecemos a todos eles, destacando:
- ProfessorMarco Batista, pela simpatia ajuda e total disponibilidade no esclarecimento de dúvidas e orientação deste trabalho;
-Ao Dr. Miguel Gameiro colega e amigo, pela sua ajuda no processamento dos dados a nível informático (SPSS);
- Á Professora Raquel Vieira pelos conhecimentos transmitidos a nível estatístico e de SPSS;
A todos os alunos do 1º e 2º grupo do 8º Curso de Formação de Agentes 08 da PSP,por todos os bons momentos que passámos juntos pelo que nos deram a aprender, o nosso muito obrigado.

Abreviaturas

EPP – Escola Prática de Polícia
CFA – Curso de Formação de Agentes
PSP – Polícia de Segurança Pública
V02 - O VO2máx é o volume máximo de oxigénio que o corpo consegue utilizar do ar que está dentro dos pulmões, levar até os tecidos através do sistema cardiovascular e usarna produção de energia, numa unidade de tempo. Este valor pode ser obtido indirecta (através de diferentes testes, cada qual com seu protocolo e suas fórmulas) ou directamente (pelo teste ergoespirométrico).
O2 – Oxigénio
IMC – Índice de Massa Corporal
IMCi – Índice de Massa Corporal inicial
IMCf - Índice de Massa Corporal final
CooperI – Teste de resistência inicial
CooperF – Teste deresistência final
Extensão de braços no soloI – Extensão de braços no solo Inicial
Extensão de braços no soloF – Extensão de braços no solo Final
Força MédiaI – Força Média Inicial
Força MédiaF – Força Média Final
Sig – Diferenças significativas
ANOVA – Marca de Balança e fita métrica
E – Estatura
MC – Massa corporal (Peso)
SPSS – Statitical Program for Social Sciences

Índice
CAPÍTULO I -Introdução 7
1.1. Pertinência do Estudo 9
1.2 Estrutura do Trabalho 10
CAPÍTULO II - Revisão da Literatura 11
2.1 Enquadramento teórico 11
2.1.1 Benefícios da Actividade Física 11
2.1.2 Aptidão Física 11
2.1.3 Componentes da Aptidão Física 12
2.1.4 Avaliação da Aptidão Física 16
2.2 A problemática 26
2.2.1 Objectivo geral 26
2.2.2 Objectivos específicos 26
2.2.3Hipóteses de investigação 26
2.2.4 Variáveis de estudo 28
CAPÍTULO III – Metodologia 29
3.1 Caracterização da Amostra 29
3.2 Instrumentos para a recolha de dados 29
3.3 Descrição de protocolos de testes 30
3.4 Procedimentos 30
3.4.1 Medidas Antropométricas 31
3.4.2 Tabela de peso ideal pelo IMC 32
3.5 Tratamento estatístico dos dados 32
CAPITULO IV Apresentação eDiscussão de resultados 33
4.1 Análise inferencial 33
4.2 Estatística descritiva 41
Capítulo V - Conclusão 46
ANEXOS 47
Anexo 1 – MASCULINO 48
Anexo II – FEMININO 49
Referências bibliográficas 50

Índice de Tabelas

Tabela 1 - Divisões da Resistência 13
Tabela 2 - Bateria de Teste. Objectivo 1 23
Tabela 3 - Bateria de Teste. Objectivo 2 23
Tabela 4 - Bateria de Teste. Objectivo 324
Tabela 5 - Bateria de Teste. Objectivo 4 24
Tabela 6 - Bateria de Teste. Objectivo 5 25
Tabela 7 - Prova de Avaliação 26
Tabela 8 - Procedimentos. Teste Cooper 30
Tabela 9 - Procedimentos. Teste Cooper e Provas Ginásio 30
Tabela 10 - Procedimentos. Provas Ginásio 31
Tabela 11 - IMC 32
Tabela 12 - Análise inferencial 38
Tabela 13 - Análise inferencial 1 38
Tabela 14 -...
tracking img