Desenvolvimento de circuitos digitais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1536 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
DESENVOLVIMENTO DE CIRCUITOS DIGITAIS

O maior objetivo dos circuitos digitais é melhorar a qualidade de um determinado projeto com otimização da área na qual se deseja atuar.
Um bom desenvolvimento de circuitos digitais sempre leva em consideração a especificação da funcionalidade do sistema.
Na seqüência, um objetivo é utilizado paraavaliar cada indivíduo (GENOMA) e dar valor de aptidão a cada um deles.
As informações processadas em sistema digital podem ser classificadas em dois tipos de acordo com sua finalidade:

1. SINAIS DE DADOS são do tipo nível e constituem em conjuntos ordenados de bits. Em geral, os dados são constituídos por um grande número de bytes que recebem processamento semelhante. Ossinais de dados podem ser de entrada ou saída.

2. SINAIS DE CONTROLE na maioria das vezes são sinais do tipo pulso ou nível e consistem em um pequeno número de bits representados por variáveis do tipo escalar.

Junto a um desenvolvimento de circuitos digitais vem-se a informação de controle que possua as duas seguintes necessidades:

COMANDOS:Sinais utilizados para selecionar e iniciar processamentos, e podem ser externos ou internos ao sistema.

ESTADO:
Sinais que informam as condições ocorridas durante o processamento dos dados, denominados também de sinais de status.

As funções de processamento dos dados e de processamentosde controles são separadas também em duas diferentes estruturas que são:

1. ESTRUTURA DE PROCESSAMENTO (E. P.) especifica todos os dados de entrada, dados intermediários e dados de saída, bem como todos os sinais de controle, inclusive sinais de status, que sejam necessários.

2. ESTRUTURA DE CONTROLE (E. C. ) especifica a ordem em que os sinais de controle devem ser produzidos emresposta aos comandos externos e aos sinais de status.

Sistemas digitais também podem ser classificados em Sistemas Assíncronos e Sistemas Síncronos, de acordo com o modo de execução do fluxo de dados.

Vejamos:

SISTEMAS ASSÍNCRONOS

Uma nova sub-tarefa é iniciada imediatamente depois da sub-tarefa que a precede no fluxode dados. Isso funciona porquê cada sub-tarefa produz um sinal de status que sinaliza seu término para a Estrutura de Controle, que faz o comando do início da sub-tarefa seguinte.

SISTEMAS SÍNCRONOS

Há um sinal de controle geral, normalmente um sinal periódico do tipo pulso, relógio (clock) que ocorrem a cada período “T”. Tem-se que o pulso é usado paracomandar o inicio das sub-tarefas.
Nesse caso não é necessário sinalizar o término das sub-tarefas, pois durante o projeto do sistema a duração de tempo máximo já deve estar estipulada.
Assim a Estrutura de Controle deve se encarregar de fornecer o comando de inicio de cada sub-tarefa em sincronismo com pulso que ocorre no instante apropriado.É o sistema mais utilizável, já que se tem os instantes exatos de ocorrência dos eventos, o que possibilita que se detecte e se corrija falhas no projeto ou de operação mais facilmente, diferente dos Sistemas Assíncronos que são usados para comunicação entre Sistemas Síncronos.

SISTEMAS PARALELOS

Todos os bits de cada vetor são processadossimultaneamente.

SISTEMA SERIAL

Os bits de cada vetor de dados são processados individualmente, ou seja, em seqüência.

Um sistema digital se processa através de “Tomadas de Decisões”, deduzindo a lógica de uma resposta em função das condições de entrada. Logo, podemos dizer que um processamento digital em conseqüência das regras lógicas...
tracking img