Descoberta da quimica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2394 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
uninorte – centro universitário do norte
curso: ciências biologicas turma: Cbm o1s2
diciplina: química geral e orgânica

A DESCOBERTA DE ELEMENTOS QUÍMICOS
 
 
 
 
 
 

Manaus - AM
 2011
Marcio Pereira
Maria Antônia

 

 
 
A DESCOBERTA DE ELEMENTOS QUÍMICOS
 
 
 
 
Relatório apresentado ao Curso de Ciências Biológicas daUNINORTE - Centro Universitário do Norte, como parte dos requisitos básicos para a avaliação da disciplina de Química Geral e Inorgânica, sob orientação da professora Rebecca Freire de Castro
 
 
Manaus-AM
2011

1. INTRODUÇÃO

É difícil precisar uma data para o surgimento da Química já que essa ciência estuda a matéria e suas transformações. Mas um fato foi importante para odesenvolvimento dessa ciência - o surgimento do fogo. O principio do domínio da química é o domínio do fogo. Há indícios que há mais de 500.000 anos, como o Homus erectus, algumas tribos teriam conseguido aperfeiçoar esta técnica que é uma das técnicas mais importantes até hoje.

Os primeiros a olharem a matéria e suas transformações de um modo a tentar explicar sua constituição foram os gregos. NaGrécia antiga foi Empédocles o primeiro a considerar a matéria como sendo a junção de quatro elementos básicos: fogo, água, ar e terra, para ele esses elementos seriam indestrutíveis e podendo sofrer grandes transformações. Posteriormente outro filósofo grego muito importante chamado Aristóteles tomou como base as idéias de Empédocles para afirma que os quatro elementos constituintes da matéria,podiam ser diferenciados por suas propriedades, desse modo o fogo seria quente e seco, a água seria fria e úmida o ar quente e úmido e a terra seria fria e seca. As transformações que a matéria sofria eram explicadas quando uma dessas propriedades era alterada, assim para o ar se transformar em água bastava aquele passar de quente para frio.

Durante muito tempo alquimistas acreditaram quemetais poderiam ser transformados em ouro com ajuda de uma “coisa” chamada “pedra filosofal”.Esta “pedra filosofal” nunca foi encontrada pelo que se sabe porem, muitos elementos foram descobertos nessa época. No inicio do século XIII alguns alquimistas começaram a acreditar que a procura por essa “pedra” era fútil. Eles acreditavam que os alquimistas poderiam ajudar mais a humanidade descobrindonovos produtos e novas maneiras para melhorar a vida.

Um importante líder neste movimento foi Philippus Theophrastus Aureolus Bombastus Von Hohenheim. Ele acreditava que a alquimia deveria ser usada para busca da cura de doenças. Acreditava ainda que sal, enxofre e mercúrio poderiam dar saúde se combinados nas proporções corretas. O último químico influente nesta era foi Robert Boyle. Em seulivro: "O Químico Cético", Boyle rejeitou as teorias científicas vigentes e iniciou uma listagem de elementos que ainda hoje é reconhecida.

No século XVII ao início do século XIX os cientistas estavam utilizando “métodos modernos” de descobertas, testando teorias com experimentos. Uma das grandes divergências nesse período foi a teoria da combustão. Johann Joachim Becher e Georg ErnstStahl propuseram a teoria do “folgisto”. Diziam que uma “essência” (de cor ou dureza amarela) era responsável pela combustão. Joseph Priestly foi o primeiro a provar que o oxigênio é fundamental à combustão. Ambos, oxigênio e hidrogênio foram descobertos nessa época. Antoine Laurent Lavoisier quem formulou a teoria atualmente aceita sobre a combustão. Esta era marcou um período aonde os cientistasusaram o "método moderno" de testar teorias com experimentos. Isso originou uma nova era, conhecida como Química Moderna, na qual muitos se referem como Química atômica.

 

OBJETIVOS:

 Conhecer a história da química

O descobrimento da existência de elementos químicos

TEORIA OU ASSUNTO

Hennig Brand A descoberta do fósforo foi uma façanha do alquimista alemão Hennig Brand...
tracking img