Descartes

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4988 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ – UVA TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CURSO DE FILOSOFIA

A TEORIA DA RELAÇÃO CORPO E ALMA EM DESCARTES

Alex Cunha Paiva

SOBRAL 2012
1

ALEX CUNHA PAIVA

A TEORIA DA RELAÇÃO CORPO E ALMA EM DESCARTES

Artigo apresentado á Universidade Estadual Vale do Acaraú como requisito para obtenção do título de licenciado em Filosofia. Orientador: Prof.Msc. Marcos Fábio Alexandre Nicolau

SOBRAL 2012
2

ALEX CUNHA PAIVA

A TEORIA DA RELAÇÃO CORPO E ALMA EM DESCARTES

Artigo apresentado á Universidade Estadual Vale do Acaraú como requisito para obtenção do título de Graduado no curso de Filosofia. Artigo aprovado em _________/___________/_________.

Orientador (a): ________________________________________. Prof. Marcos Fábio AlexandreNicolau (UVA)

1º Examinador (a):______________________________________. Prof. Ms. Geovani Paulinho de Oliveira - UVA 2º Examinador (a):_______________________________________. Prof. Rodrigo Sousa Fialho - UVA

Coordenador (a) do Curso ___________________________________________ Prof. Ms. Renato Almeida de Oliveira

3

A TEORIA DA RELAÇÃO CORPO E ALMA EM DESCARTES

Alex Cunha PaivaResumo: O presente trabalho tem como intuito analisar a teoria da dualidade do filósofo francês René Descartes (1596-1659), que em sua obra As paixões da alma estabelece a separação do homem entre a mente e o corpo objetivando as conclusões que ele chegou da existência de uma divisão e sua explicação com uma temática cientifica e espiritual das funções do corpo em contrapartida a da alma. Nesse intuitobuscamos explicar a argumentação da glândula pineal como o elemento principal de elo entre o corpo e a alma. Palavras – chaves: Descartes, paixões da alma, corpo, alma, glândula pineal.

Introdução No momento histórico em que René Descartes viveu foram observadas profundas mudanças nos contextos político, social e científico da Europa, que estava em plena sintonia com a noção de modernidade,diretamente relacionada ao sentimento de mudança. Durante a Idade Média, quase não houve reivindicações sobre as questões filosóficas feitas por leigos, já que a Igreja Católica tinha enorme influência sobre a sociedade e limitava a produção de conhecimento por aqueles que não pertenciam ao clero como a nobreza e o povo. Dessa maneira, a filosofia medieval era fortemente marcada pela religião. Noentanto, as novas percepções trazidas com o desenvolvimento científico dos séculos XV e XVI irão motivar uma nova forma de encarar o mundo, sendo de extrema relevância a nosso tema o livro de Willian Harvey, intitulado Estudo anatômico do movimento do coração e do sangue nos animais, de 1628, que falava sobre o movimento do sangue e do coração. Esse estudo divide-se em 17 capítulos descrevendo aanatomia e movimentação do coração e a consequente circulação do sangue pelo corpo. Embora contasse apenas com lupas normais a sua disposição, Harvey possuía uma teoria sólida sobre o sistema cardiovascular, faltando-lhes apenas algumas evidências práticas. Depois do primeiro capítulo que delineia as ideias anteriormente aceitas sobre o coração e os pulmões, Harvey avança para a premissa fundamentaldo seu tratado, enfatizando que é extremamente importante o

4

estudo do coração enquanto esta em funcionamento para entender seus movimentos; um objetivo que alcançou não sem dificuldades, como ele diz na obra:
Quando, pela primeira vez, me entreguei à prática de múltiplas vivissecções, a fim de observar e averiguar por meio da autópsia, e não através de livros e escritos de outros, omovimento, a função e a utilidade do coração nos animais, considerei que a tarefa era tão árdua e tão cheia de dificuldades, que quase cheguei a pensar, como Fracastoro, que o movimento do coração poderia somente ser conhecido por Deus, pois não podia distinguir nem de que modo e nem quando ocorria a sístole e a diástole. (HARVEY, 1999, p. 23)

Harvey fora o precursor de uma série de estudos sobre...
tracking img