Desafios e conquistas no sistema de saúde pública brasileira

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1967 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Desafios e Conquistas no Sistema de Saúde Pública Brasileira

Kariny de Paula Lago*
Elaine Cristina da Costa Savalli**

1. Introdução

Este artigo tem como base e perspectiva principal listar e contextualizar os desafios e conquistas do sistema de saúde pública, pelo fato de ser ele o responsável pela maior parte dos atendimentos na rede hospitalar. Dessa forma representa a realidade deuma região. Assim, é de grande importância estudar os entraves que conduzem ao processo atual de ineficiência em algumas áreas, mesmo que haja em outras um perfil de qualidade em seus procedimentos. Essa análise engloba questões de cunho cultural e cientifico. A melhora do SUS em alguns momentos se deu por meio de ações coletivas ou jurídicas o que expõe a fragilidade e capacidade de planejamentoe adequação dos serviços prestados pela rede pública no sentido de atender as necessidades urgentes e atuais, oriunda da própria transformação do meio de vida da sociedade. Mostrando assim que a melhora do SUS depende de uma maior participação da sociedade em suas ações, principalmente aquelas voltadas ao coletivo, como as campanhas de vacinação, prevenção de doenças sexualmente transmitidas quenecessitam de um enfoque maior em alguns períodos, existindo assim um trabalho em equipe multidisciplinar para atender e direcionar campanhas tanto para a prevenção da transmissão de doenças como AIDS aos cuidados para se evitar a proliferação de mosquitos causadores da dengue, isso numa mesma época, o verão, sobretudo no carnaval onde o convívio é fortemente aumentado acrescendo assim os focosde mosquitos e expondo também as relações sexuais desprotegidas. Esses aspectos tornam evidentes as necessidades de coordenação de equipes de profissionais de saúde
Ou seja, o papel do enfermeiro sendo posto na prática do dia a dia contemplando as adversidades propiciadas pela diversidade cultural e natural de cada região.

2. Sistemas eficientes nos serviços públicos e alguns desafios.Falar de saúde remete a condições que vão desde medicamentos, exames, atendimentos especializados, estrutura global da rede hospitalar que é inclusive, objeto de estudo coelho (2002: 323). Dessa forma surge a necessidade de especificação voltada a direcionar medidas de acordo com os problemas locais regionais e nacionais. Abordando os entraves e legais e organizacionais envolvidos nessarealidade, que contempla quadros de epidemias e endemias, a título de exemplificação doenças sazonais como a dengue e aqueles sexualmente transmissíveis deflagram os problemas globais contextualizados por coelho ( 2002: 315-316).
Quando se fala em doenças, a AIDS surge como um modelo de acompanhamento e assistência seguido e admirado mundialmente. Contudo o que não se revela são os termos quenortearam essa realidade e a criação desse sistema nacional. Essa realidade surgiu décadas atrás mediante uma briga judicial de uma jovem paulista que ganhou uma causa contra o estado em que pedia ao governo todo tratamento e medicamento necessário para controlar os sintomas e manter uma vida de qualidade, tal conquista proporcionou ao Brasil criar ainda na década de 90 um modelo de assistência queganharia elogios mundo a fora e se tornaria um exemplo. Esse modelo consiste em adequar o sistema de acompanhamento de novos casos a realidade de sociedade e não o contrario. O objetivo desse modelo é fazer com que o hospital seja um espaço aberto a comunidade e que o diagnóstico corra de maneira mais rápida possível, dirimindo assim os problemas de cunho emocional. Antes de se diagnosticar a AIDS oprocedimento levaria algumas semanas, pois era necessário refazer o exame para confirmar a doença, uma precaução defendida com ressalva por coelho (2002:328). Porem o peso da noticia de confirmação da contaminação ao paciente acarretava num abandono do segundo exame na maioria dos casos, isso como forma de fugir da realidade que o paciente deveria seguir a partir daquele momento .Logo a arte e...
tracking img