Desafio economia 2 periodo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1233 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Anhanguera – Uniderp

Polo São Luís - Ma

Desafio de Aprendizagem

Economia





































São Luis - 2010

Desafio de Aprendizagem

Economia





- Custo de Oportunidade



São custos implícitos, relativos aos insumos que pertencem a empresa e que não envolve desembolso monetário. São custos estimadosa partir do que poderia ser ganho no melhor uso alternativo. O custo de oportunidade representa o valor sacrificado pela empresa em termos de remuneração, ao tomar a decisão de aplicar seus recursos em determinada alternativa ao invés de aplicar em outra, capaz de proporcionar maior benefício. Podemos dizer também que o custo de oportunidade refere-se ao valor líquido de caixa perdido quando seoptou por uma alternativa em detrimento de outra.

O custo de oportunidade não deve ser absoluto, mas igual a uma segunda melhor oportunidade de benefícios não aproveitada. Exemplo: se uma empresa optar pela aquisição de uma máquina, o custo de oportunidade seria o quanto ela deixou de ganhar se tivesse aplicado seus recursos em outra forma de investimento mais rentável. O confronto entre obenefício escolhido e o benefício que seria obtido pela escolha da melhor alternativa abandona pode oferecer elementos relevantes para a decisão. Entretanto, alguns cuidados devem ser observados pelas alternativas consideradas:

• Devem ser reais;
• Devem estar disponíveis no momento da decisão;
• O uso dos mesmos recursos pode proporcionar resultadosdiferentes;
• O que é sacrificado quando da escolha é a possibilidade de obtenção de melhores resultados em outras oportunidades.


Exemplos reais: Um exemplo simples é a idéia do salário dos trabalhadores. Uma pessoa que ganha R$ 3 mil reais por mês, por exemplo, para obter um rendimento semelhante ao seu salário por meio de investimentos teria que acumular um capital de R$ 1,8 milhões,caso aplicasse apenas na poupança, e de R$ 600 mil caso aplicasse em títulos do governo. Fica fácil perceber que com este capital a pessoa poderia obter rendimentos maiores em outros investimentos, apesar de ter que conviver com um risco maior. Uma padaria, por exemplo, com um investimento de R$ 150 mil pode garantir um rendimento líquido de R$ 5 mil por mês, mas isto irá depender de vários outrosfatores. Conseguindo isto, o rendimento seria de 36% ao ano, ou, descontada a inflação, 31% ao ano, portanto bastante superior ao rendimento da poupança e da Selic.





- Curva de Possibilidade



Em economia, a Curva de Possibilidade de Produção (CPP), ilustra graficamente como a escassez de fatores de produção cria um limite para a capacidade produtiva de uma empresa, país ousociedade. Ela representa todas as possibilidade de produção que podem ser atingidas com os recursos e tecnologias existentes. Em economias de mercado, descentralizadas, a escolha sobre as alternativas de produção fica a cargo do mercado. Já em economias planificadas, centralizadas, o deslocamento na CPP é feito conforme decisão de quem a controla. Devido a limitação de recursos, a produção total, de umpaís por exemplo, tem um limite máximo, uma produção potencial, que é representada Por um ponto sobre a curva. Quando o ponto está dentro da curva a economia está operando com capacidade ociosa desemprego de recursos (fatores de produção sub-utilizados). Quando o ponto está fora da curva há uma situação impossível de utilização de mais recursos do que os disponíveis. Esse ponto somente seráatingido com um aumento na CPP, que representará um acréscimo de fatores de produção, representando o desenvolvimento de uma dociedade.

- Produtos Elásticos


Um produto tem elasticidade quando seu consumo varia em função de outros parâmetros da economia.


Artigos de luxo, por exemplo, têm elasticidade positiva em relação à renda, ou seja, quanto maior a renda da sociedade...
tracking img