Densidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1033 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1. INTRODUÇÃO

Muitas vezes, no trabalho experimental que envolve a Química, o conhecimento sobre as propriedades do corpo estudado é essencial. Entre essas propriedades pode-se citar a densidade, que expressa uma relação de medidas.
A densidade (ρ) de um sólido é introduzida como simplesmente a razão da massa pelo volume como mostrado na expressão:
ρ= mv(1)
Onde m representa a massa (que geralmente é dada em gramas) e v o volume (que pode ser dado em cm3 ou mL).
Para o estudo de material esta definição é mais complexa. De um modo geral, pode-se considerar que um material que apresente um maior número de partículas em determinado volume apresenta um maior valor de densidade comparado com outromaterial que apresenta um menor número de partículas no mesmo volume.
Toda superfície real exibe defeitos, e esses defeitos, que são os poros, criam sempre áreas superficiais maiores que a área teórica correspondente. Com isso, surge a questão referente à como calcular a densidade de um material poroso.
Como a determinação da massa é direta, é a determinação do volume que esconde a dificuldade. Ocálculo do volume de sólidos irregulares para determinação da densidade não pode ser efetuado por medida direta de suas dimensões. Utilizando-se o Princípio de Arquimedes, que enuncia que: “Todo corpo imerso, total ou parcialmente, num fluido em equilíbrio, dentro de um campo gravitacional, fica sob a ação de uma força vertical, com sentido ascendente, aplicada pelo fluido; esta força é denominadaempuxo, cuja intensidade é igual à do peso do fluido deslocado pelo corpo”.
Nesse contexto e com o propósito de aperfeiçoar o que foi orientado pelo professor, realizou-se uma atividade experimental cujo assunto abordado fora densidade.

2. OBJETIVO

* Encontrar a densidade do giz.
* Mensurar o volume do material poroso.
* Compreender as diferenças entre a densidade aparente ea densidade real.
3. METODOLOGIA
3.1. MATERIAIS E APARELHAGEM
3.1.1. MATERIAIS
* Giz;
* Água
3.1.1. APARELHAGEM
* Balança de precisão ± 0,01 g;
* Proveta ;
* Vidro de Relógio;
3.2 PROCEDIMENTO EXPERIMENTAL
A experiência foi realizada como procedimento experimental da aula de densidade. A discussão do procedimento gira em torno do cálculo da densidade do giz, materialque apresenta irregularidades em sua superfície (poros).
Inicialmente foi nos dado um giz para que analisássemos a maneira mais simples de determinar a sua densidade. Então foi encontrada a massa do material através do uso da balança analítica de ± 0,01 g. Depois de tarada, fez-se o uso da mesma e descobriu a massa do giz.
Dando prosseguimento ao cálculo da densidade, é necessário encontrar ovolume do material poroso. Depois de algumas discussões, foi encontrada a maneira mais fácil de obter o volume do material, mergulhando o giz na proveta contendo 30 mL de água. A variação de água na proveta, causada pelo mergulho do giz, era o volume do próprio.
A seguir, foi feito novamente o procedimento descrito no parágrafo anterior, mas desta vez o material já estava úmido antes de sersubmerso.

4. RESULTADOS E DISCUSSÃO
Como sabemos, o giz é um sólido com organização estrutural porosa, constituído de sulfato de cálcio e insolúvel em água. Para determinar a densidade desse material, foi obtida a sua massa, que é de (1, 3471 ± 0,01) g usando a balança analítica de precisão 0,01 g.
Encontrado a massa do material, determinamos agora o volume do giz. Utilizando o Principio deArquimedes, que diz que um fluido em equilíbrio age sobre um monólito nele imerso (parcial ou totalmente) como uma força vertical orientado de baixo para cima, denominado empuxo, aplicado no centro da gravidade do volume de fluido deslocado, cuja intensidade é igual ao peso do volume de fluido deslocado.
Mergulhando o giz na proveta que continha já 30 mL de água, observou-se que ocorreu liberação...
tracking img