Densidade de solidos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1957 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO
As substâncias podem ser identificadas utilizando-se suas propriedades físicas características, tais como: ponto de fusão, ponto de ebulição e densidade. Essas propriedades, que têm valores estabelecidos para cada substância; não dependem da quantidade de substância e são chamadas de propriedades intensivas.

A densidade de uma substância é a razão da sua massa por unidade devolume; ela pode ser obtida, matematicamente, pela divisão entre esses dois valores. A fórmula é: d = m/v, onde d é a densidade, m é a massa e v é o volume. Mesmo que a massa e o volume dependam da quantidade da substância (essas são propriedades extensivas), a razão é constante, a uma dada temperatura. As unidades de densidade mais empregadas são: g/mL ou g/cm3, a 20°C. A temperatura deve sermencionada, uma vez que o volume da substância varia com a temperatura e, portanto, também a densidade.

A densidade absoluta de uma substância é definida como a relação entre a sua massa e o seu volume:
D = m/v
Em geral, a densidade dos sólidos é maior que a dos líquidos e esta, por sua vez, é maior que a dos gases. Portanto, para medirmos a densidade de um objeto qualquer, precisamos conhecer asua massa e volume, pois a densidade é a massa dividida pelo volume. A massa de um objeto pode ser medida facilmente com uma balança, o volume de um objeto regular pode ser calculado medindo-se e multiplicando-se a sua: largura (l), comprimento (c) e altura (h).
Os sólidos são materiais que contém uma consistência muito alta o que resulta em grande quantidade de massa em um pequeno volume, porquesuas moléculas se encontram muito unidas umas as outras. A determinação da densidade de sólidos pode ser muito simples se o objeto se apresentar numa forma geométrica regular, pois assim o seu volume e sua massa podem ser fácil e rigorosamente determinados.
Contudo, esta não é a situação mais comum, pois muitas vezes num laboratório temos de determinar a densidade de objetos de forma irregular, oque nos dificulta saber o seu volume e aí podemos utilizar a técnica do volume deslocado. O volume de objetos irregulares, como por exemplo, uma pedra, pode ser medida colocando-a em um recipiente cheio de água; o volume de água deslocada é igual o volume do objeto irregular.
Logo, mergulhando duas amostras sólidas de densidades diferentes em duas provetas diferentes com mesmo nível de água,podemos concluir que: a amostra de maior densidade desloca menor volume, pois, tem mais massa em um pequeno volume.

Os líquidos são substâncias com densidades bem menores em relação aos sólidos, pois, as partículas de suas moléculas se encontram mais distanciadas umas das outras. Suas densidades variam um pouco e para se medir a densidade de líquidos e sólidos, existem dois tipos de equipamento:um deles é o picnômetro e o outro é o densímetro (este último é mais utilizado por fornecer a leitura direta da densidade, além de ser mais preciso).
Na prática, a densidade de um sólido será determinada com o auxílio de um picnômetro, é um pequeno frasco de vidro construído cuidadosamente de forma que seu volume seja invariável. Ele possui uma abertura suficientemente larga e tampa muito bemesmerilhada provida de um orifício capilar longitudinal.







































OBJETIVO

Mostrar como medir com facilidade e precisão a densidade de sólidos utilizando um picnômetro e determinar a precisão das medidas.












































MATERIAIS E MÉTODOS
Materiais:1) Balança Analítica

2) Picnômetro

3) Estanho

4) Esfera

5) Béquer

6) Termômetro

7) Papel Toalha

8) Pisseta

Reagentes:

1) Álcool etílico anidro (CH3CH2OH)

2) Água destilada (H2O)

Métodos:

Parte I: Calibração do picnômetro:

1° Passo: Pesou-se cuidadosamente o picnômetro vazio e seco, na balança analítica e anotou-se sua massa (tabela 1.6). Utilizou-se um...
tracking img