Decifrando o inconsciente coletivo de jung

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1454 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
DECIFRANDO O INCONSCIENTE COLETIVO DE JUNG*

Jovana Roberta Nogueira da Costa**
Larissa Bastos Marinho***
Maria Simone Nascimento da Silva ****
Talita Mortari Montysuma *****
Vanessa Cristina Alves Fernandes ******

RESUMO

Esse artigo é uma revisão dos trabalhos de Carl Gustav Jung sobre Inconsciente Coletivo e seus Arquétipos entre outras literaturas que tratam sobre a temática. Nodecorrer do artigo, discutiremos o tema já citado e tentaremos fazer uma releitura do inconsciente coletivo e assim entender como sua teoria tem influenciado nossa geração nos dias de hoje.

Palavras-chave: Psicologia. Jung. Inconsciente Coletivo. Psicologia analítica.

1 INTRODUÇÃO

Jung apesar de ter sido considerado pupilo de Freud seu trabalho acabou divergindo da psicanálise ortodoxae assim sendo criada uma nova e elaborada explicação da natureza humana chamada Psicologia Analítica.

Ao contrário de Freud, Jung acreditava que nossa personalidade era moldada por eventos passados e futuros ao invés de sermos prisioneiros ou vítimas desse passado, pois na teoria junguiana somos afetados tanto pelo passado como pelo que nós almejamos para o futuro.

Quando o assunto ésexualidade, Jung redefine a teoria freudiana de libido como uma energia psíquica mais generalizada que inclui o sexo, mas não restringe a ele. Contudo seu destaque ficou com o estudo aprofundado sobre inconsciente coletivo acrescentando uma nova dimensão quanto as experiências dos indivíduos levando em conta os aspectos filogênicos. Essa teoria se tornou o centro do sistema de personalidade combinandoidéia de histórias, mitologia, antropologia e religião, para formar a sua imagem de natureza humana.

2 INCONSCIENTE

O inconsciente é constituído de energia psíquica suficiente para interagir com o consciente e nós nascemos com ele. É no inconsciente que encontramos os arquétipos, por exemplo. É o inconsciente a fonte de todas as forças instintivas que não tem seu conteúdo relacionado como oEu, de modo perceptível, mas de modo imperceptível, o inconsciente se relaciona com o Eu por meio do consciente, ou seja, o inconsciente pode interagir com o consciente e de certo modo até influencia-lo. O inconsciente retém tudo o que sabemos, tudo o que foi vivido e vivenciado, todas as experiências, sensações e emoções, mas que não estão sendo pensadas e que foram esquecidas. Tudo está ocultona parte mais sutil da mente. Carl Gustav Jung, psiquiatra suíço e fundador da psicologia analítica, entende que existem duas espécies de inconsciente: o pessoal e o coletivo.

2.1 INCOSCIENTE PESSOAL

O inconsciente pessoal, como o próprio termo define é o que é exclusivo de cada pessoa. A pessoa que também pode ser entendida como o Eu, aquele que é. Este inconsciente pessoal deve suaexistência a experiência pessoal. Experiências que foram reprimidas ou não a que um indivíduo tem ou teve desde sua infância.

2.2 INCONSCIENTE COLETIVO

O inconsciente coletivo, diferente do pessoal, nunca esteve na consciência e não foi adquirido individualmente. Ele é resultante de experiências que o individuo absorve enquanto membro de um grupo social sendo assim, logo o inconsciente coletivo éproduto das experiências da humanidade, ele é herdado. Ele se desenvolve por meio de circunstância que envolve uma sociedade inteira, como epidemias, guerras, crendices, acidentes, crimes, emoções como amor, ódio, desejo de paz entre outras condições e situações coletivizadas. Segundo a autora Santos (1976, p. 26),

[...] o inconsciente coletivo é constituído por elementos que não foramesquecidos, suprimidos ou reprimidos, pois não estiveram nunca no campo da consciência. É formado de coisas herdadas e, assim preexistentes em relação à consciência.

A vida mental do ser humano está ligada ao consciente e ao inconsciente e assim toda pessoa está a todo o momento sendo influenciada pelo inconsciente coletivo e vivendo sua existência psíquica. Segundo os autores Duane P. Schultz e...
tracking img