David harvey: condição pós-moderna

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1915 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
David Harvey: CONDIÇÃO PÓS-MODERNA
Waldir Francisco de Lima Livro HARVEY, David. Condição pós-moderna: uma pesquisa sobre as origens da mudança cultural. São Paulo, Ed. Loyola, 1992, 20ª ed

Título original: The Condition of Postmodernity An Enquiry into the origins of Cultural Change ©David Harvey 1989

Foto de Nova York Fonte: google imagens, maio-2011

O livro aborda, em sua íntegra astransformações políticas, econômicas e culturais ocorridas desde a modernidade à pós-modernidade. A obra de Harvey no curso da sua investigação estuda e explica a problemática que envolve a chamada "condição" pós-moderna, para tanto se vale dos valores sócio-culturais que determinam os aspectos estéticos, literários, filosóficos, artísticos e arquitetônicos do iluminismo até os dias de hoje. Nesteensaio, abordarei as questões que envolvem a estética, as artes e o “mundo” da arquitetura de modo geral. A obra está dividida em quatro partes conforme descrito a seguir: Parte I – Passagem da modernidade à pós-modernidade na cultura contemporânea; Parte II – A transformação político-econômica do capitalismo do final do século XX; Parte III – A experiência do espaço e do tempo; Parte IV – Acondição pós-moderna

1

David Harvey no curso de sua investigação, discorre sobre a importância dos acontecimentos, no âmbito do cenário social, ocorridos no que o final do século XX, que provocou uma série de mudanças no pensamento e no comportamento da sociedade. Nesse período ocorreram inovações nas mais diversas áreas de atuação, sobretudo na ciência e na tecnologia. Essas inovações foramrelatadas por vários escritores, de campos diversos do saber, os quais abordavam projeções e perspectivas políticas, sociais e artísticas. O livro, Condição Pós-Moderna, busca a explicação do universo transitório de um período cujas perguntas não apresentam respostas precisas fazendo análises do que foi dito e escrito a cerca do fato. Para que fosse possível entender esse universo transitórioestabelecido no período denominado moderno para o pós-moderno, segundo Harvey, era indispensável explicar no livro o que foi o período moderno, estabelecer uma relação de triunfos e fracassos que culminou no surgimento de uma nova ordem social. Tarefa não muito fácil foi caracterizar o período Moderno, o entendimento, segundo o autor, oscila substancialmente de acordo com o crítico analisado. ParaJonathan Raban, 1974, o modernismo foi “vibrante e presente”, já outros teóricos contemporâneos se opunham a essa idéia, considerando o período “ausente na análise crônica”. As justificativas eram as mais variadas possíveis. O autor, faz uma regressão ao período iluminista, para ele o moderno inicia-se a partir dele. No iluminismo, onde a razão buscava sobrepor o pensamento teocêntrico vigente duranteséculos, abraçou-se a idéia do progresso na busca da “liberdade dos seres humanos”, pregava-se as doutrinas da liberdade, igualdade e fé. Fatores preponderantes para dar início ao projeto da modernidade em foco no século XVIII. Projeto esse, voltado ao desenvolvimento das ciências racionais, das leis universais e da moralidade. Citando o livro The death and life of great American cities, 1961, deJane Jacobs, em português Morte e vida de grandes cidades Americanas, David Harvey, faz uma analogia sobre a vida urbana dos anos 60, questionando de que forma o uso e o significado do espaço e do tempo mudaram com a transição do fordismo1 para a

Intensificação da divisão do trabalho, fracionando as etapas do processo produtivo de modo que o trabalhador executasse tarefas repetitivas em prol demais produtividade e maiores retambilidades. Tese defendida pelo americano Frederick W. Taylor em sua obra: “ Os princípios da administração científica, 1911.

1

2

acumulação flexível. A acumulação flexível, se opunha ao fordismo, marcando um confronto direto à sua rigidez, apoiando-se na flexibilidade dos processos produtivos. Com a acumulação flexível, segundo Harvey, começa surgir...
tracking img