Das linhas de produção em massa introduzidas pelo fordismo, à busca qualidade total do modelo toyota

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (558 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Das linhas de produção em massa introduzidas pelo Fordismo, à busca Qualidade Total do modelo Toyota

Assim como Taylor, Henry Ford revolucionou o trabalho fabril durante o século XX. Ambosvisavam a maximização da produção e do lucro, com a diferença quanto ao Henry Ford, que desenvolveu o sistema de organização do trabalho industrial denominado Fordismo.
A principal característica doFordismo foi a introdução das linhas de montagem, na qual cada operário ficava em um determinado local realizando uma tarefa específica, enquanto o produto fabricado, no caso o automóvel, se deslocavapelo interior da fábrica em uma espécie de esteira. Com isso, as máquinas ditavam o ritmo do trabalho, ou seja, o funcionário deveria exercer sua função em menor tempo possível durante o processoprodutivo.
O funcionário da fábrica se especializava em apenas uma etapa do processo produtivo e repetia a mesma atividade durante toda a jornada de trabalho, fato que provocava uma alienação física epsicológica nos operários, que não tinham noção do processo produtivo do automóvel, cabendo essa responsabilidade unicamente ao gerente, inclusive quanto a fiscalização do tempo destinado a cada etapa daprodução.
Tal qual no Taylorismo, o objetivos de Henry Ford eram a ampliação da produção em menor espaço de tempo, obtendo lucros, através da produção e da exploração da força de trabalho dosoperários.
Os princípios utilizados por Henry Ford referiam-se a:
* Princípio da Intensificação: Diminuição do tempo entre o emprego imediato dos equipamentos e da matéria-prima, com a rápida colocaçãodo produto no mercado;
* Princípio da Economia, no qual se buscava reduzir ao mínimo o volume do estoque da matéria-prima em transformação;
* Princípio da Produtividade, aumentado a capacidadede produção por meio da especialização da linha de montagem. Quanto mais o empregado produzia em quantidade, mais ganhava e com isso o empresário ganhava também com o aumento da produção.
Apesar...
tracking img