Danças tipicas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1678 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Apresentação

Este relatório falará sobre a cultura de São Luis que envolve suas danças típicas, e contemporâneas. Caracterizará desde sua origem até seu desenvolvimento e como se encontra realizada hoje no Brasil e no Mundo. Contudo acabará envolvendo toda a história da cidade, como os outros povos influenciaram tudo o que o município do Maranhão possui hoje.

Dentro do que será apresentadoneste relatório está:

➢ Origem
➢ Danças indígenas (guajajaras,canela)
➢ Danças africanas praticadas pelos escravos do Maranhão
➢ Danças portuguesas do século XVIII e XIX
➢ Danças contemporâneas































2.0 Origem

A origem das danças maranhenses vem das danças africanas, européias e indígenas povos que desde a colonização doBrasil se instalaram pelo estado, deixando que a união delas se resulte em cada passo único, roupas, jeitos e etc.

Por São Luís ser a terceira maior comunidade negra do país (ficando atrás de Salvador e Rio de Janeiro) ela possui ricas manifestações da arte africanas.
A cultura portuguesa está mais rica nas arquiteturas que também possui a arte africana.

Em uma época os escravos erammarginalizados pela sua cultura e suas crenças que envolviam as danças entre outros, hoje tem a cultura mantida pelos seus descendentes e conhecida como única no Brasil.

3. Dança indigena

Os indígenas possuem danças onde utiliza para comemoração seja para dar boas-vindas ou simplesmente para festejar um novo amanhecer ou dar boas vindas a algo principalmente se for da natureza, de extremaimportância para eles. Para eles tudo que a mesma possui ou oferece-lhes é sagrado. Isso tudo eles representam com cantos e danças típicas criada por eles mesmos.

1. Índios guajajaras

Os guajajaras são um dos povos mais numerosos do Brasil. A história deles possui mais de 380 anos que foi marcada por revoltas, recusas totais, submissões e grandes tragédias como a revolta de 1901 contra osmissionários capuchinos teve como resposta a (guerra contra os índios).

Em São Luis e em outras cidades do Maranhão é desconhecido o número de guajajaras que habitam essas áreas.
Sua língua predominante é o tupi-guarani mas usam o português como língua franca.
Depois de muitos acontecimentos os Guajajaras voltaram a produzir com o incentivo da FUNAI o que produziam antes como arte plumárias,armas ecestárias lembrando o padrão antigo.

Um dos rituais dos índios guajajaras é de passagem ,que é a dança dos tenetehara (como também são chamados) onde eles mostram também nos eventos que têm por São Luis.
Outra dança bem característica é a do muquiado que acontece quando a menina tem sua primeira mestruação.
3.2 indios canela

Canela é o nome que ficou conhecido os índios Ramkokamekrá e osApanyekrá. Há grandes diferenças entre esse dois povos ,porém eles falam a mesma língua o Jê, e são pautados pelo mesmo repertório cultural.
Sua população é de mais de 2000 e seu lugar predominante é o Maranhão.
Eles tem um sistema político e de sociedade meio-a- meio pois são dois povos.
Suas plantações mais comuns são amendoim, milho,batata doce,inhame,abóbora,feijão de corda entre outros.Suas danças são acompanhadas de canto. O ciclo diário dos Canelas são de 02:30 da manhã as 05:30 e das cinco as seis da tarde e das sete as dez da noite.Os tempo das danças e cantos é de um quarto do dia ,demonstra a ênfase dada a essa manifestação,embora raramente a mesma pessoa complete a rodada inteira de sete horas.Este ciclo ocorre unicamente quando os canela estão reunidos e vivendo numaaldeia principal e não dispersos.
Os homens vagueiam, exibindo-se e pulando diante de uma longa fileira de mulheres ,todos guiados por um homem que canta e dança com um maracá.Hoje as danças só ocorrem em grandes festas.
O canto e a dança apanyekrá no ritmo do mestre do maracá é quase idêntico ,em forma e em seu horário diário, a versão ramkokamekrá enfatizam a sequência harmônica enquanto as...
tracking img