Currículo e cultura

Páginas: 18 (4446 palavras) Publicado: 22 de setembro de 2011
3. CURRÍCULO OCULTO E CULTURA(S) DE APRENDIZAGEM NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES
MARIA FERNANDA GONÇALVES
1. INTRODUÇÃO
 A ESE de Viseu entrou numa nova fase da sua vida institucional, volvidos 13 anos após a sua criação. É, como já se disse, uma boa altura para "balanço" do trabalho realizado, mas sobretudo para recriar dinâmica e projectos que a justifiquem como organização com finalidadesespecíficas, ao serviço da comunidade nacional e regional, nas dimensões, com as estratégias e com as formas de intervenção que se julguem mais adequadas.
É tempo de encontrar algumas respostas seguras para as perguntas: Quem somos? O que queremos? Como pretendemos chegar lá?
Foi nesta fase de trabalho que veio encontrar-nos o Colóquio que aqui se realiza. Incluímos, portanto, nas nossas preocupaçõesde pesquisa e acção a clarificação da(s) cultura(s) de aprendizagem que proporcionamos aos nossos alunos.
São alguns apontamentos desse processo, mais do que resultados já obtidos, que aqui trazemos.
Cabe-me, no tempo de intervenção que me foi dado, justificar a razão por que enquadramos parte da pesquisa que temos em curso no campo conceptual do "currículo oculto" e provocar, a partir daí,algumas reflexões.
À questão do porquê, responderei simplesmente: por convicção, e por influência da nossa preparação específica.
A nossa convicção de que os mecanismos, conjunto de mensagens e aprendizagens que uma instituição de formação produz - e que se incluem no âmbito do chamado currículo oculto - são extremamente influentes na formação proporcionada, tentarei justificá-la ao longo destaintervenção.
Cada modelo de formação, e cada instituição escolar, tem o seu próprio currículo oculto. Queremos conhecer o nosso, para fazer dele instrumento eficaz de formação - nos aspectos em que seja manipulável, ou, pelo menos, na medida em que o processo de reflexão crítica é já em si um acto cultural e formativo.
Não seja motivo de estranheza a referência à nossa formação específica. Cada áreaacadémica e científica produz e provoca perspectivas e visões específicas da realidade e do conhecimento. Então, as próprias características de cada área, curso ou "Departamento" são elas mesmas possíveis formas de currículo oculto.
Aproveitemo-las então, positivamente. É uma forma de lidar com realidades a que não podemos escapar.
2. O CURRÍCULO OCULTO, OU A NOSSA INOCÊNCIA PERDIDA
Não éoportuno dissertar agora sobre o conceito de currículo oculto, mas temos que exemplificar a sua complexidade, para justificar a sua abrangência e o papel que lhe atribuimos na criação de condições e de resultados da aprendizagem escolar.
Se quisermos enumerar as designações por que é conhecido este mundo de realidades nublosas, mas insistentemente presentes, teríamos que, em justiça, referir os que seocuparam delas, sem lhes atribuirem esse rótulo, e passar, depois, por termos como: currículo encoberto, escondido, implícito, latente ou, pela negativa, não intencional, não conhecido, não observável, não estudado ou não escrito.
Depois de anos de investigação, pode-se dizer que o carácter "não intencional" está em dúvida, e que o "não conhecido", o "não observável" e "não estudado",rigorosamente, já se não justifica. Já sabemos que nada na escola é neutro, que os alunos aprendem coisas muito para além do que lhes é ensinado pela via instrucional "em virtude da sua experiência diária num cenário organizativo com as características sociais da escola" (Dreeben, 1976); que os procedimentos organizacionais têm incidências nos valores e motivações dos alunos; que os conteúdos dos manuaisveiculam mensagens implícitas; que as expectativas em relação aos alunos tendem a realizar-se; que algumas das coisas mais importantes que a Escola ensina não são mencionadas no currículo oficial, ou nos manuais; que há um conjunto vasto de aprendizagens "osmóticas" resultado mais das acções e das vivências dos alunos do que das aprendizagens escolares formais. Enfim... um mundo de coisas já...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • CURRÍCULO E CULTURA
  • Curriculo Tecnologico e Cultura Digital
  • Curriculo conhecimento e cultura
  • Currículo, Conhecimento e Cultura
  • Curriculo, cultura e sociedade
  • Resenha
  • Curriculo, Cultura e Conhecimento
  • ESCOLA, CURRÍCULO E CULTURA.

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!