Curativos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1195 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Definição de curativos
Curativos
Primeiro vamos conhecer a anatomia da pele
A pele e o órgão mais extenso do corpo humano,indispensável para a vida.
Ela é composta de três camadas epiderme,derme e hipoderme ou tecido subcutâneo.
Suas funções são de proteção,sensação,equilíbrio da água,regulação da temperatura,produção de vitamina
Para que serve um curativo
É um meio terapêutico que consiste nalimpeza e aplicação de cobertura estéril em uma ferida com a finalidade de promover a rápida cicatrização e prevenir a contaminação de tecidos internos por microorganismos da pele e meio ambiente.
Sua finalidade
.Facilitar a cicatrização
• Evitar ou reduzir a infecção;
• Remover secreções;
• Proteger contra traumatismos.
Como avaliar uma ferida:

É essencial para a seleção do curativoespecífico,determinação do intervalo de trocas e prevenção de infecção.

Tipos de curativos
varia de acordo com a natureza,a localização e o tamanho da ferida.
• Abertos: em fendas sem infecção,que após tratamento permanecem abertos (sem
proteção de gaze).
• Oclusivos: veda a ferida criando ambiente úmido e favorável, promove isolamento
térmico e das terminações nervosas e impede a formação de crostas Barreiracontra
bactérias.
• Compressivo: usado para promover hemostasia e auxiliar na aproximação das
bordas do ferimento.
• Com irrigação: ferimentos com infecção ou fistula, com indicação de irrigação com
soluções salinas ou antissépticas. Irrigação feita com seringa.
• Com drenagem: ferimento com grande quantidade de exudato Coloca-se dreno.
tubos, cateteres ou bolsas de colostomia.
Técnicas derealização de curativos:
De acordo com o tipo de ferida: limpa, cirúrgica limpa, cirúrgica contamina úlceras e escaras com secreções e/ou tecido necrosado.
A escara de decúbito é uma inflamação,fenda ou ulcera na pele sobre uma proeminência óssea. É uma complicação para pacientes debilitados e imobiliza e,uma vez que a pele perde sua integridade,o paciente esta sob o risco de infecção.
Causaspredisponentes
Anemia, avitaminose, desidratação, diabete, edema generalizado, febre prolongada, má circulação, obesidade, caquexia, paralisias, pouca vitalidade, incontinência de fezes e urina.
Causas imediatas
Pressão, fricção, umidade, falta de asseio, aplicação imprópria de aparelhos. de calor e frio.
Regiões mais propiciais
Escápula,
joelhos,
ilíaca,
maléolos,
calcâneos,
orelhas,
parte posterior dacabeça,
artelhos,
axilas,
seios,
qualquer superfície que esteja sofrendo pressão constante.

Estágios das escaras de decúbito
1. Rubor da pele, que desaparece quando a pressão é aliviada.
2. Lesão à circulação e tecidos superficiais; rubor e edema não desaparecem;
enduração do tecido superficial;
3. Destruição das camadas subcutâneas; células necróticas; destruição de tecido capilar
subjacente;
4.Destruição avançada de capilares subcutâneos e massa muscular; caso seja muito
profunda, exposição do osso subjacente.
Como prevenir uma ferida

• Avaliar os fatores de risco do paciente, temperatura ambiente alta, umidade, roupa
de cama mal alinhada;
• Mudança de decúbito a cada uma ou duas horas;
• Manter o lençol no leito esticado;
. Manter a pele do paciente seca,
• Reposicionar o pacienteadequadamente,
• Usar artifícios mecânicos adequados para reduzir a pressão.
Assistência de enfermagem:
• Antes de fazer o curativo, observar o estado do paciente, ler a« anotações sobre o
tipo de curativo, sua evolução e cuidados específicos.
• Nas feridas cirurgicas, a pele ao redor da ferida é considerada mais contaminada que a própria ferida, enquanto que nas feridas contaminadas a área mais contaminadaé a de interior da lesão (importante lembrar ao limpar ou tratar a lesão),
• Quando o paciente necessitar de vários curativos, iniciar pela incisão fechada e
limpa, seguindo-se as lesões abertas não infectadas e por último as infectadas;
• Ao dar banho em pacientes com curativo, aproveitar para lavar a lesão,
• Devido ao risco de infecção hospitalar, não é recomendado levar o material de...
tracking img