Curandeirismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3368 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A crise de 1929 e o golpe de 30 
A crise de 1929 e a depressão dos anos 30 foi a maior crise do capitalismo de todos os tempos. Teve início nos EUA e teve importantes desdobramentos no resto do mundo, afetando todos os países capitalistas. No Brasil a Depressão de 29 foi responsável pela desorganização da economia cafeeira, fato este que conduziu o governo à política de queima do café,isso, porém, não foi um fenômeno unicamente brasileiro, a França também queimou trigo, a Argentina abateu o gado e os Estados Unidos desmontou carros nas fábricas. 

O Governo Washington Luís
O governo Washington Luís (1926-30) não tinha corrido pacificamente após o turbulento governo Artur Bernardes (1922-6). Muito pelo contrário, em 1927 promulgou a Lei Celerada que censurava a imprensa e restringiao direito de reunião. O crescimento da indústria no Brasil fez surgir uma burguesia industrial. Esta se transformou num poderoso grupo social com prestígio e força econômica suficientes para exigir do governo uma política que atendesse aos seus interesses. Contudo, as reivindicações da burguesia industrial chocavam-se com aquelas das oligarquias cafeicultoras. Nesse panorama de conflitos, o governorepublicano não foi capaz de acomodar as divergências e as tensões que afloravam até mesmo entre as oligarquias agrárias. No governo de Washington Luís, tais conflitos tornaram-se mais agudos e até mesmo entre os próprios cafeicultores começaram a surgir divergências. 

A Questão sucessória
O presidente indicou um paulista pra lhe suceder – Júlio Prestes –, quebrando o pacto do café-com-leite.Ele pretendia com isso dar continuidade a política de valorização do café.

A formação da Aliança Liberal
O presidente do Estado de Minas e membro do Partido Republicano Mineiro (PRM), Antônio Carlos, aliou-se aos gaúchos e paraibanos, fundando a Aliança Liberal. Esta lançou o gaúcho Getúlio Vargas para presidente. A Aliança Liberal defendia uma série de reformas, dentre elas, o voto secreto, aanistia política, leis trabalhistas e assistência ao trabalhador. 

O Golpe de 30
Sob um clima de desconfiança e tensão, Júlio Prestes foi considerado vencedor das eleições de 1930. Mesmo com a derrota dos liberais, um golpe armado ainda era cogitado. Com o assassinato do liberal João Pessoa, candidato a vice na chapa de Getúlio, em julho do mesmo ano, o movimento articulou a derrubada dogoverno oligárquico com o auxílio de grupos militares. Depois de controlar os focos de resistência nos estados, A Aliança Liberal e o grupo tenentista do Exército chegaram ao Rio de Janeiro, em novembro de 1930, tomou o poder, empossando Getúlio Vargas provisoriamente, iniciando a chamada Era Vargas. Getúlio ficaria por quinze anos no poder, entre 1930 e1945 e, logo depois, seria eleito pelovoto popular voltando à presidência entre os anos de 1951 e 1954. 

As primeiras medidas do governo provisório 
- Os interventores - Após o golpe, foi instalado um governo provisório, de 1930 a 1934, chefiado por Getúlio Vargas, e assim teve início a centralização do político. O Congresso e as Assembleias Legislativas estaduais foram dissolvidos. Os tenentes, conhecidos adversários das antigas oligarquias,foram nomeados interventores e encarregados de retirar do poder as velhas oligarquias estaduais. No entanto, apesar de ocuparem importantes cargos no governo, os tenentistas não demoraram a demonstrar novamente insatisfação e a aliança entre tenentistas e o governo logo depois foi desfeita. 

- A nova postura ante a questão social - Em 1930 ainda, Vargas reformulou a máquina do governo, criandoo Ministério do Trabalho, Indústria e Comércio. A questão social que antes era considerada caso de polícia, passou a ser questão política, tratada dentro da esfera do Estado. 

- O novo código eleitoral - Em 1932, foi publicado o Novo Código Eleitoral que sepultaria toda a estrutura política da República Velha. Nele, previa-se o voto secreto, o voto feminino e a representação classista...
tracking img