Cultura politica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3122 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de março de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
CULTURA POLÍTICA
Conceito e finalidade

Ulisses Garrido, Lisboa, 22 de Julho, 2008

[CULTURA POLÍTICA] Ulisses Garrido

Página 2 de 11

[CULTURA POLÍTICA] Ulisses Garrido

CULTURA POLÍTICA
CONCEITO E FINALIDAD E

INTRODUÇÃO
No debate contemporâneo, cada vez mais frequentemente se ouve atribuir o progresso de uns povos e de alguns países à sua cultura e mais especificamente, àsua cultura política. Pelo contrário, as dificuldades de outros, os seus insucessos, dificuldades ou atraso1, dever-se-ão à ausência dessa mesma cultura política. Mas será assim? Esta é matéria há muito objecto de investigação e sobre que há conhecimento produzido. Com precisão, qual é o conceito de cultura política? E para que serve a cultura política? Será que, tendo-a, se tem progresso edemocracia “a valer”? Esta é a motivação do nosso pequeno ensaio: procurar colher o conhecimento produzido, primeiro buscar a matriz do conceito2, para depois perceber a sua evolução e controvérsias, com recurso aos contributos teóricos relevantes e mobilizáveis nas condições em que trabalhámos e, finalmente, procurar discernir sobre a utilidade (ou futilidade) da cultura política nas sociedades modernas.1 2

Portugal pode mesmo servir de exemplo, tais e tantas vezes ouvimos referências deste tipo. Comummente aceite ser a concepção de Almond e Verba, na sua obra The Civic Culture (1963).

Página 3 de 11

[CULTURA POLÍTICA] Ulisses Garrido

O CONCEITO MATRICIAL, CONTEXTO E ANTECEDENTES
Comecemos pelos antecedentes. Ao longo de todos os tempos, a dimensão simbólica das relações depoder, uma dimensão cultural, foi preocupação dos pensadores. Diferentes elementos respeitantes à dimensão cultural integram a história do pensamento político. Aristóteles e Sócrates já debatiam sobre a capacidade política dos cidadãos na sociedade. Platão tem porventura a primeira referência a valores morais dos cidadãos das elites duma dada sociedade como caracterizadores de diferentes tipos deregime político. Bem mais tarde Montesquieu3 classifica os governos de então quanto à natureza (a estrutura) do Governo e quanto ao princípio (refere-se às “paixões” que o movimentam), mas para essa classificação, entra em linha de conta com um conjunto de elementos, como as crenças e hábitos dos povos, os costumes, o clima… Alexis de Tocqueville4 explica a realidade a partir da tradição e doscostumes. Gabriel Almond e Sidney Verba (1963) publicam “The Civic Culture: political attitudes and democracy in five countries”. Tal obra tornou-se o referencial e o conceito adoptado de cultura política, tornou-se a matriz duma nova área de conhecimento e de estudo, a da política comparada, e uma nova perspectiva de análise. Não sendo o tema novo, confessando-se inspirados em Weber5 e em Parsons6, éinovadora a abordagem e a metodologia. Almond e Verba interrogam-se, em plena guerra fria, a partir da realidade fascista na Itália e na Alemanha - como fora possível? – e concentraram-se particularmente na realidade democrática e da cultura política do seu país, a Grã-Bretanha e dos Estado Unidos,7 procurando perceber porque é que os regimes democráticos se solidificavam e eram prósperos e como éque tal se relacionava com a atitude dos cidadãos. Queriam demonstrar ainda que não depende apenas das instituições democráticas a estabilidade e qualidade da democracia: depende muito mais das atitudes políticas e não políticas dos seus cidadãos.

1689-1755, conhecido e influente filósofo, político e escritor francês, autor da Teoria dos Três Poderes. 4 A sua obra mais célebre e ainda hojereferencial de estudo, foi “Da Democracia na América” (1835, o primeiro volume). É uma obra clássica em que o autor enaltece o regime democrático americano, a participação voluntária dos cidadãos e o seu elevado interesse pela política, fazendo com que a democracia funcionasse. Os seus críticos referem que Tocqueville ignorou a pobreza e a escravatura que reinava nas cidades. 5 Max Weber (1864-1920),...
tracking img