Cultura organizacional do branco do brasil

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES

INSTITUTO A VEZ DO MESTRE

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

CULTURA ORGANIZACIONAL NO BANCO DO BRASIL

Ocian Brilhante Macedo JuniorOrientador: Mário Luiz Trindade Rocha

Brasília

2011

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES

INSTITUTO A VEZ DO MESTRE

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

CULTURA ORGANIZACIONAL NO BANCO DO BRASILMonografia apresentada por Ocian Brilhante Macedo Júnior ao Instituto A Vez do Mestre como requisito parcial para obtenção do título de especialista em GestãoEstratégica e Qualidade.

Brasília

2011

AGRADECIMENTOS

Aos meus pais, esposa, filha e aos

colegas de trabalho.

DEDICATÓRIA

Dedico este trabalho a Deus, aos meus pais Ocian e Telma,

aosmeus irmãos Bráulio, Túlio e Érico, a minha

esposa Cinthia e minha filha Camila.

RESUMO

Esse trabalho tem por objetivo avaliar a mudança da cultura organizacional do Banco do Brasil, umaempresa pertencente a industria financeira, líder de mercado em ativos, com capilaridade nacional e internacional, de capital acionário misto( Governo Federal e investidores privados) e quadro funcionalsuperior a 100 mil colaboradores.

O BB teve, até 1986, uma participação social latente em suas funções institucionais, desenvolvendo em seus funcionários uma cultura organizacional particular,voltada para o atendimento das políticas públicas, com foco na facilitação das ações sociais. O lucro não era o objetivo a ser buscado, por quanto com a conta movimento da União sendo controlada pelo BB,estavam garantidos os recursos necessários para os investimentos.

No ano de 1986, o BB perdeu o controle da conta movimento e passou a atuar com um banco comercial. A partir daí, haveria umamudança cultural significativa mas que realmente só foi consolidada em 1998 quando o BB lançou um plano de encarreiramento para os novos funcionários concursados. Estes teriam menos direitos a certos...
tracking img