Cuidador de idoso

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2362 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O significado da filosofia da humanitude, no contexto dos cuidados de enfermagem à pessoa dependente e vulnerável.
Revisão sistemática seguindo a metodologia dos sete passos do Cochrane Handbook, formulando a seguinte questão: Qual o significado do conceito integrador de humanitude, no contexto dos complexos e delicados cuidados que os enfermeiros prestam, a pessoas doentes vulneráveis edependentes? No processo de resposta à questão, seguindo a metodologia sistemática, com base numa estratégia de pesquisa refinada e exaustiva a bases de dados relevantes, não se obtiveram respostas aos descritores relacionados com cuidados de enfermagem, que intersectem o conceito humanitude. No entanto, através de motores de busca e contato com investigadores nacionais e estrangeiros, foi possívelrecolher um pequeno acervo de documentos, que revelam a pertinência da questão de investigação e indicam a existência de trabalho avançado na aplicação da filosofia humanista aos cuidados de enfermagem. O trabalho mais relevante é o método de Gineste e Marescotti, no cuidado a doentes dependentes e vulneráveis, desde 1975. Com este estudo de revisão, observa-se uma nova oportunidade deinvestigação, através da implementação e monitorização do método, com uma população de pessoas doentes dependentes, em Portugal.
Palavras chave: Filosofia da humanitude; cuidados


Introdução
Com o desenvolvimento tecnológico foi evidente o desvio da atenção dos cuidadores, da pessoa doente para a eficiência técnica. O movimento pela humanização dos cuidados adverte para a urgentenecessidade de equilíbrio entre tecnologia e humanismo. De acordo com o pensamento de Potter, uma nova ética dará corpo e vigor a uma preocupação moral ancestral nos cuidados de saúde e origina uma nova disciplina que através de discernimento interdisciplinar se dedica ao estudo da conduta humana na utilização de meios técnicos sofisticados, no cerne da relação entre profissionais de saúde e as pessoasdoentes vulneráveis.
No legado teórico e prático da enfermagem, encontramos um vasto campo de conhecimento, sobre humanização de cuidados, construído por diferentes escolas, nomeadamente: a definição de enfermagem e, a teoria do défice de auto-cuidado de enfermagem , da escola das necessidades; o modelo de relação Pessoa a Pessoa da escola da interação; o modelo dos Seres humanosunitários e, a teoria do tornar-se humano , da escola Ser humano unitário; a teoria da diversidade e da universalidade do cuidar cultural e, a Filosofia e Ciência do Cuidar , da escola de cuidar.
Os enfermeiros compreendem a verdadeira dimensão do sofrimento humano, quando cuidam em espaços de intimidade, e procuram promover a pessoa doente, à altura da dignidade humana. No entanto, nem mesmo osenfermeiros, cuidadores de proximidade, conseguem sempre ficar imunes, à tendência de desvalorização do fator humano, em função da ditadura da ciência e da técnica. Em Portugal, Carvalho (1996), publicou os resultados de uma investigação sobre o tema “humanismo e enfermagem”, os quais indiciam uma crise do humanismo na enfermagem, pela perda da visão global da pessoa doente, pela instalação darotina ao longo dos anos da ação do enfermeiro e pelas faltas progressivas na comunicação/relação.
De uma forma recorrente, as investigações efetuadas por enfermeiros, definem humanismo, como ação solidária e atitude de ajudar ao outro.Num contexto semântico similar, muito recentemente, confrontámo-nos com o conceito humanitude, com a mesma raiz morfológica, mas eventualmente, com um novosignificado a explorar e novas aplicações para cuidar. Com clareza, Phaneuf (2005) descreve a diferença entre humanismo, conceito filosófico que nos mostra a importância do lugar do Homem no mundo e humanitude, de natureza antropológica, que descreve as raízes da condição humana e nos declara a sua essência.
O filósofo e geneticista Jacquard (1988) na sua obra “A herança da liberdade: da...
tracking img