Cromatografia em papel

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1748 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Cromatografia em papel

http://server2.iq.ufrj.br/~joab/iqb201/tutorial/cromatografia/cromatografi...

Cromatografia
Um dos problemas que continuamente desafiam os bioquímicos é a separação e a purificação de um ou mais compostos de uma mistura complexa. Um dos mais convenientes métodos para realizar tal separação é o uso de técnicas cromatográficas. Tais técnicas pode ser usadas para aseparação de grandes quantidades (diversas gramas) ou pequenas quantidades (picogramas) de material. Uma grande variedade de técnicas modernas, tanto analíticas quanto preparativas, são denominadas de cromatografia. O que elas possuem em comum é a propriedade de fracionar uma mistura complexa de substâncias usando a diferença de características química entre os componentes da misturas, o que faz comque eles interajam diferencialmente com uma fase estacionária e com uma fase móvel. Existem quatro tipos principais de cromatografia: cromatografia líquida, cromatografia gasosa, cromatografia de camada fina e cromatografia em papel. A seleção de uma forma particular de cromatografia para produzir uma determinada etapa de separação é dependente do material a ser isolado e, freqüentemente,diversos métodos cromatográficos podem ser usados seqüencialmente para que seja obtido um composto na forma pura. Um leito cromatográfico pode ser construído de vários formas, mas ele sempre consistirá, basicamente, de duas fases: a fase estacionária e a fase móvel. A fase estacionária (que pode ser sólida ou líquida ou pode consistir de uma mistura de um sólido com um líquido) é finamente dividida efixada a um suporte. A fase móvel (que pode ser líquida ou gasosa) preenche os interstícios da fase estacionária e deve ser capaz de fluir através desta fase. As fases móvel e estacionária devem ser escolhidas de forma que os compostos que serão separados durante o processo cromatográfico possuam um coeficiente de partição definido entre as duas fases. Neste processo, vários mecanismos dedistribuição podem ser empregados: a distribuição pode ser uma simples partição entre dois líquidos imiscíveis; pode ser um equilíbrio de adsorção entre uma fase estacionária adsorvente e uma fase líquida móvel; ou um equilíbrio de troca iônica entre uma fase estacionária trocadora de íon e uma fase móvel constituída por uma solução de um eletrólito. O termo coeficiente de partição ou coeficiente dedistribuição é normalmente usado para descrever a forma pela qual um composto se distribui entre duas fases imiscíveis. Para a distribuição de um composto entre dois solventes, o valor para este coeficiente é uma constante a uma dada temperatura e pode ser definido como:

O coeficiente de distribuição, como ordinariamente usado, se refere a distribuição de um soluto entre duas fases líquidas. Emcromatografia, é conveniente usar o termo para descrever a distribuição de um soluto entre duas fases quaisquer. Por exemplo, o coeficiente de distribuição de uma substância entre álcool e alumina pode ser 0,1, significando que a concentração da substância em álcool (em peso por volume - p/v) é 1/10 de sua concentração em alumina (em p/v). Assim, a o coeficiente de distribuição do álcool etílicoentre o ar (em p/v) e a água (também em p/v) a 30°C é de 3,05.10-4, por que 1 litro de ar conterá 3,05.10-4 vezes tanto álcool etílico do que um litro de água com a qual está em equilíbrio. O coeficiente de distribuição (K) será sempre expresso, para propósitos cromatográficos, como a concentração na fase móvel dividido pela concentração na fase estacionária.

1 de 3

27/10/2008 00:34 Cromatografia em papel

http://server2.iq.ufrj.br/~joab/iqb201/tutorial/cromatografia/cromatografi...

Outro termo que também é muito usado em cromatografia é o coeficiente de distribuição efetivo (B). Este coeficiente pode ser definido como a quantidade total de substância presente em uma fase, dividido pela quantidade total da mesma substância presente na outra fase. Por exemplo, suponha que o...
tracking img